Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Outubro 23, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Marisa Costa é a nova Campeã da Europa Júnior em Orientação BTT (C/ÁUDIO)

A atleta tomarense Marisa Costa, de 20 anos, conquistou hoje a medalha de ouro para Portugal nos Campeonatos da Europa de Juniores em Orientação BTT (OBTT) em distância Média, numa prova que decorreu em Alcaravela (Sardoal) e onde Artur Mendonça, de 17 anos, de Tavira, alcançou a medalha de prata no escalão juvenil.

- Publicidade -

No segundo dia de competição do MTBO 2021, e depois de duas medalhas de ouro conquistadas no escalão de veteranos na prova disputada na véspera em Constância, a atleta de Tomar, que despertou para a modalidade em Abrantes, no Clube Orientação e Aventura (COA) e que hoje representa o BTT Loulé/Elvis, cumpriu o seu percurso de 12 Km com desnível de 230 metros no tempo de 33:54, deixando a checa Lucie Nedomlelova, segunda classificada, a 2:24, e a russa Ekaterina Landgrafa a 2:51.

Em declarações ao mediotejo.net, Marisa Costa lembrou que já tinha conseguido por duas vezes medalhas de prata em Campeonatos da Europa de jovens e juniores e o bronze numa Taça do Mundo em Elite, e que esta foi a sua estreia a conquistar o Ouro numa competição internacional no seu último ano enquanto júnior (W20).

- Publicidade -

ÁUDIO | MARISA COSTA, CAMPEÃO EUROPA JUNIOR OBTT:

Marisa Costa, que ambiciona “evoluir o máximo possível”, sagrou-se assim, nos pinhais de Alcaravela, campeã da Europa em juniores, e ostenta aos 20 anos um currículo invejável: um 3º lugar no Campeonato Europeu na distância longa, em França (em 2017 ), um 5º lugar no sprint no Mundial de Juniores na Lituânia (2017), um 6º lugar no Europeu de distância média em Portugal (2016), um título de vice campeã ibérica de elites (em 2016), duas medalhas de prata nos Europeus realizados na Áustria (em 2018) e na Alemanha (em 2019), a par de uma medalha de bronze na prova de sprint da etapa de Odemira da Taça do Mundo de orientação em BTT em 2018.

Questionada sobre uma possível dedicatória por este título hoje conquistado, a jovem atleta da seleção nacional fez questão de agradecer e lembrar “todos os meus familiares, amigos, e companheiros de seleção, mas principalmente ao Duarte Lourenço”, um amigo já falecido e “uma das pessoas mais importantes” na carreira desportiva de Marisa Costa.

Artur Mendonça, uma esperança nacional que representa o BTT Loulé, conquistou esta sexta feira a medalha de prata no escalão M17. Foto: mediotejo.net

Artur Mendonça, de Tavira, e que representa o BTT Loulé, foi a grande revelação dos campeonatos ao conseguir a medalha de prata no escalão de juvenis (M17) a dezasseis segundos da medalha de ouro, conquistada pelo Russo Yaroslav Shvedov.

Nos escalões de Elite as vitórias foram para a Suíça, em masculinos, e para a Dinamarca, em femininos, com as melhores classificações dos portugueses a serem de Ana Filipa Silva, em 19º lugar, e João Ferreira, na 27ª posição.

Daniel Marques e Susana Pontes conquistaram para Portugal na quinta-feira duas medalhas de ouro no Campeonato do Mundo de veteranos de orientação em BTT, no primeiro dia de uma competição em que a Dinamarca conquistou oito medalhas, sete em veteranos e uma em juniores masculinos. Nos escalões jovens, a melhor classificação em sprint ficou a cargo de Marisa Costa em Juniores Femininos, na 11ª posição, a 55 segundos da vencedora.

Portugal conquistou duas medalhas de ouro no Campeonato do Mundo de veteranos de orientação em BTT através de Susana Pontes e Daniel Marques. Foto: mediotejo.net

Com um total de 369 atletas de 26 países em competição até domingo, nos concelhos de Abrantes, Constância, Chamusca e Sardoal, o Médio Tejo BTT Orientação (MTBO2021) é composto, além do Campeonato do Mundo de veteranos, pelo Campeonato da Europa de juvenis e juniores, pelo Campeonato da Europa de seniores e CX80 Taça do Mundo de seniores.

A orientação em Bicicleta de Todo-o-Terreno (BTT) é uma disciplina semelhante à orientação pedestre, mas em que a deslocação é feita em BTT, sendo objetivo conseguir escolher a melhor opção entre os pontos definidos no mapa do traçado definido, numa lógica de corrida individual em contrarrelógio, em terreno desconhecido e geralmente de floresta ou montanha.

Restante programa para todos os campeonatos:

Sábado – 09 de outubro – Arripiado (Chamusca) – Prova de distância Longa.

Domingo, 10 de outubro  – Abrantes – Estafetas Mistas e Estafetas.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome