Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Outubro 22, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Gavião | O “sonho” de José Júlio “imortalizado” em Polidesportivo de Atalaia

José Júlio Delgado Cabeça foi o mentor do Polidesportivo de Atalaia, Gavião, inaugurado este domingo, 25 de novembro, na presença do diretor regional do Instituto Português do Desporto e da Juventude. Já não viu o seu sonho cumprido. A vida revelou-se madrasta e curta, mas a homenagem concretizou-se e o polidesportivo recebeu o nome do antigo presidente da Junta da União de Freguesias de Gavião e Atalaia, falecido em maio último. A família descerrou a placa.

- Publicidade -

Atalaia é uma pequena povoação do concelho de Gavião que possui, a partir deste domingo, 25 de novembro, um polidesportivo com “um piso de última geração”, começou por afirmar o presidente da Câmara de Gavião, José Pio (PS).

A ideia foi “sonhada” pelo antigo presidente da União de Freguesias de Gavião e Atalaia, José Júlio Delgado Cabeça, que, apesar da doença que acabaria por o vitimar, visitava a obra diariamente e dizia “ainda aqui jogamos à bola”, recordou José Pio.

- Publicidade -

Em sua homenagem, o presidente da Câmara propôs que a infraestrutura recebesse o nome do autarca falecido em maio último. A viúva e a filha estiveram presentes na inauguração para o descerrar da placa, num momento de muita emoção.

Inauguração do polidesportivo de Atalaia, Gavião. Em homenagem ao antigo presidente da Junta da União de Freguesias de Gavião e Atalaia, José Júlio Delgado Cabeça, entretanto falecido, descerram a placa a viúva e a filha.

A construção do polidesportivo, que demorou cerca de seis meses a concretizar, na realidade mereceu 60 dias de obra. “Um projeto record em tempo record”, num desafio lançado pelo diretor regional do Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ), Miguel Rasquinho, e que José Júlio agarrou com uma candidatura ao Programa de Reabilitação de Instalações Desportivas (PRID), explicou José Pio. Um investimento total de 95 mil euros que contou com 18 mil euros de comparticipação do PRID.

Natural de Atalaia, o autarca de 46 anos esteve hospitalizado dois meses antes de falecer a 28 de maio devido a “doença do fígado”, disse na ocasião ao mediotejo.net o vice-presidente da Câmara Municipal de Gavião, António Severino.

Agora “a obra está feita”, referiu o atual presidente da União de Freguesias, Germano Porfírio. Durante a inauguração agradeceu a “simbiose” existente com José Júlio em todo o processo de construção daquela infraestrutura destinada a jovens e a todos os desportistas menos jovens.

Inauguração do polidesportivo de Atalaia, Gavião. O presidente da Câmara Municipal de Gavião, José Pio, acompanhado do presidente da União de Freguesias de Gavião e Atalaia, Germano Porfírio, o presidente da Assembleia Municipal, Paulo Pires, os vereadores António Severino e Graciosa Chambel e o diretor regional do IPDJ, Miguel Rasquinho

Por seu lado, José Pio lembrou o “gavionense de gema. O homem bom e preocupado com a sua terra. Sempre pronto a ajudar os outros sem olhar a cores políticas. É da máxima justiça que este espaço imortalize a pessoa que foi para todos nós. Onde quer que esteja, está a ver cumprido o sonho”.

Também Miguel Rasquinho considerou que a melhor homenagem “é o espaço em funcionamento”. O diretor regional do IPDJ referiu o programa PRID – no valor de dois milhões de euros – no “apoio aos clubes de base local que não tinham um cêntimo” para a construção de infraestruturas desportivas.

O programa “permite que pequenos clubes vejam recuperados estes espaços desportivos, criando condições para os desportistas”, afirmou, lançando o desafio para o apoio a outros clubes do concelho.

Inauguração do polidesportivo de Atalaia, Gavião. José Fernando Pio e Miguel Rasquinho testam o piso de última geração com a ajuda do pequeno Francisco

Após a inauguração, “será colocado um portão, completada a vedação e dinamizado o Jogo da Malha”, disse ainda o presidente do município. José Júlio ambiciona a colocação de bancadas, tinha até estudos realizados nesse sentido, apurando tratar-se de um solo rochoso. “Vamos ver!”, concluiu José Pio, indicando uma esperança num futuro talvez não muito longínquo.

O Polidesportivo de Atalaia situa-se na Tapada do Forno tendo como entidade responsável o Clube Atlético e Recreativo de Atalaia e entidades fiscalizadoras o IPDJ e a Câmara Municipal de Gavião.

Inauguração do polidesportivo de Atalaia, Gavião. O pequeno Francisco foi o primeiro a marcar golo

 

A sua formação é jurídica mas, por sorte, o jornalismo caiu-lhe no colo há mais de 20 anos e nunca mais o largou. É normal ser do contra, talvez também por isso tenha um caminho feito ao contrário: iniciação no nacional, quem sabe terminar no regional. Começou na rádio TSF, depois passou para o Diário de Notícias, uma década mais tarde apostou na economia de Macau como ponte de Portugal para a China. Após uma vida inteira na capital, regressou em 2015 a Abrantes. Gosta de viver no campo, quer para a filha a qualidade de vida da ruralidade e se for possível dedicar-se a contar histórias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome