Sábado, Dezembro 4, 2021

Abrantes | Movimento ALTERNATIVAcom assume Ambiente como prioridade autárquica

O movimento ALTERNATIVAcom, que se candidata às eleições autárquicas deste ano, afirmou que as questões ambientais assumem particular importância porque o meio ambiente, a ecologia e a sustentabilidade no concelho de Abrantes são uma das suas “prioridades” autárquicas. No âmbito da “política de cidadania e participação cívica” defendida pelo ALTERNATIVAcom, o movimento está a realizar um ciclo de 7 Webinars temáticos intitulado “Abrantes, Missão Possível”.

- Publicidade -

Em nota de imprensa, o movimento independente, liderado por Vasco Damas, começa por lembrar que “o meio ambiente, ecologicamente equilibrado, constitui um bem universal de uso comum, essencial a uma saudável qualidade de vida”, e que “aos poderes públicos, aos cidadãos e às coletividades, compete o dever de o defender e preservar, tanto para a presente, como para as futuras gerações”.

Nesse sentido, pode ler-se, o ALTERNATIVAcom assume o compromisso de “implementar uma política municipal de defesa, valorização e divulgação dos ecossistemas únicos que caracterizam e diferenciam o concelho de Abrantes, desde as grandes áreas de montado até à lezíria e à floresta, promovendo a sua preservação, com foco na conservação das espécies, algumas delas fazendo já parte de programas de conservação da natureza e de espécies em risco de extinção”.

- Publicidade -

Nos compromissos apresentados, o movimento assegura “respeitar sempre a presença e o trabalho dos cidadãos na preservação de habitats e ecossistemas, através de dinâmicas de envolvimento das populações locais e empresários do ramo agrícola e pecuário”, além de “defender e apoiar a manutenção das nossas paisagens, assumindo claramente que iremos privilegiar a criação e manutenção de trilhos naturais, evitando a construção de passadiços indiferenciados e visualmente poluentes”.

Outras das propostas passam por “combater o desordenamento florestal, o abandono de terras e a poluição das águas e do ar, implementar políticas municipais mais assertivas para promover a recolha e tratamento de resíduos florestais e urbanos, pugnar pelas boas práticas ambientais nas indústrias concelhias e debater exaustivamente o futuro da Central Termoelétrica do Pego, sob o prisma dos bens maiores (saúde, ambiente e economia) para a população do concelho de Abrantes, mas sobretudo para a freguesia do Pego, versus os danos ambientais e paisagísticos”.

Na questões ambientais, defende, importa “integrar os cidadãos no fomento e valorização do património natural do concelho, apostar na sensibilização escolar e cívica para estas temáticas, com foco na apresentação, divulgação e interação com a nossa riquíssima área geográfica, assumindo e patrocinando o envolvimento da sociedade civil nesta missão, mediante programas municipais que estabeleçam protocolos, apoios financeiros e logísticos a coletividades que interajam e se empenhem na defesa do meio ambiente, tais como associações florestais, de caçadores e pescadores, de Trail e BTT, entre outras”.

Em termos de incêndios, poluição e sensibilização ambiental, o ALTERNATIVAcom afirma “honrar o compromisso de implementação total e aperfeiçoamento do programa “Aldeia Segura, Pessoas Seguras, reiterar o compromisso de reforço da fiscalização dos atentados ambientais e penalização dos prevaricadores, e organizar, no concelho de Abrantes, um certame anual sobre o ambiente, sustentabilidade e ecologia”.

O movimento ALTERNATIVAcom dirigiu ainda um “voto de confiança e esperança a todos aqueles que vão interagir com as florestas nos próximos meses, em especial aos elementos que integram o DECIR – Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais de Abrantes”, desejando que “todas as suas missões sejam bem-sucedidas e que regressem em total segurança às suas famílias e amigos. O Ambiente é uma aposta séria e vai ter o investimento que merece”, conclui.

5º Webinar “Potenciar a Qualidade de Vida nas Cidades e Aldeias do Interior”

No âmbito da “política de cidadania e participação cívica” defendida pelo ALTERNATIVAcom, o movimento está a realizar um ciclo de 7 Webinars temáticos intitulado “Abrantes, Missão Possível”.

Este ciclo de Webinars apresenta-se como um veículo de discussão das problemáticas e de divulgação das potencialidades relativas à cidade e freguesias de Abrantes, no contexto da sub-região do Médio Tejo, nomeadamente nas áreas da Cultura, Educação e Desporto; Ambiente, Natureza e Turismo; Economia, Empreendedorismo e Emprego; Urbanismo, Habitação e Património; Social, Saúde e Lazer; Mobilidade, Transportes e Comunicações; e Cidadania, Autarquia e Transparência.

Os Webinars têm início às 21:30, duram cerca de uma hora e contam com duas apresentações iniciais de aproximadamente 10 minutos cada, seguidas de um período de discussão de 40 minutos. As sessões são orientadas por um moderador.

O 5º Webinar realiza-se esta terça-feira, dia 8 de junho, e é dedicado ao tema “Potenciar a Qualidade de Vida nas Cidades e Aldeias do Interior”.  Serão intervenientes Joana Ramos (moderadora), Luís Peixoto e Frederico Lucas, cujas notas biográficas são as seguintes:

Joana Ramos, é professora e coordenadora do espaço pedagógico Cubo Mágico no Sardoal. É deputada municipal e intermunicipal na comunidade do Médio Tejo e uma eterna curiosa pelo espírito humanista e pela comunicação na sociedade, sensibilidade que a move na escrita e na condução de rubricas de rádio dedicadas a vários temas da atualidade, como é o caso do programa “Mundo Maravilhoso” e da rubrica “Conta-me Coisas” na Antena Livre.

Luís Peixoto, é médico há 36 anos, exercendo atualmente a atividade em Alferrarede e anteriormente em Tramagal e Abrantes. Foi diretor do Centro de Saúde de Abrantes e diretor do então Centro de Atendimento a Toxicodependentes de Abrantes. Foi dirigente desportivo no Tramagal Sport União e no Clube Dragões de Alferrarede. Foi, ainda, deputado em regime de substituição à Assembleia da República e vereador na Câmara Municipal de Abrantes. É o mandatário político do movimento ALTERNATIVAcom às eleições autárquicas de 2021.

Frederico Lucas, é empreendedor social na área da competitividade territorial e orador motivacional de empreendedorismo. Ativista de uma economia social lucrativa, é atualmente gestor da consultora luxemburguesa Grous Partners, dedicada à promoção de investimentos em meio rural. É, igualmente, cofundador e coordenador do Programa Novos Povoadores, organização que patrocinou a instalação de mais de 200 empresas em território rural, com uma taxa efetiva de sucesso superior a 90%. Edita o guia “Investir à la Campagne au Portugal” e dinamiza o canal de informação @ruraltalks.

DATAS E TEMAS DOS PRÓXIMOS WEBINARS
15 de junho de 2021: “O Contributo dos Transportes e Comunicações para a Coesão Social”
22 de junho de 2021: “Autarquia orientada para os Cidadãos e Participação Democrática”

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome