Sertã | Ler é palavra de ordem em maratona de 24 horas

Leitura. Foto: DR

A sétima edição da Maratona de Leitura – 24 Horas a Ler, na Sertã, arranca à meia-noite deste sábado, dia 7, e dura até à meia noite do dia seguinte. A figura homenageada este ano é o Padre Manuel Antunes e o programa inclui encontros com escritores, exposições temáticas, oficinas, quiosques de leitura, teatro, recitais de poesia, uma feira do livro e contadores de histórias.

PUB

“O principal evento cultural do Concelho da Sertã e que se tem conseguido afirmar, ao longo dos últimos anos, como um dos grandes certames literários da região Centro”, foi assim que o presidente da Câmara da Sertã, José Farinha Nunes, descreveu a Maratona de Leitura. Se em 2017 o número de participantes nas atividades ascendeu a duas mil pessoas, em 2018 as expetativas são de que o valor suba.

Mais uma vez, o ponto central do evento é a Biblioteca Municipal Padre Manuel Antunes, onde serão feitas as leituras em voz alta durante a maioria do evento. Nas últimas três horas passam para o castelo da Sertã para assinalar o encerramento da Maratona de Leitura.

No entanto, não é só na sede de concelho que se celebra a leitura. Várias localidades e lugares da Sertã serão alvo da visita de Bibliotecas Itinerantes, as quais irão acompanhadas por contadores de histórias profissionais que prometem proporcionar uma sessão de contos às comunidades locais. As histórias serão contadas por Jorge Serafim, Bru Junça, Rodolfo Castro, Filipe Lopes, Clara Haddad, Maurício Leite, Virgínia Millefiori, Ana Cristina Pereira e Elsa Serra.

Além dos encontros com os escritores, onde marcam presença nomes como Valter Hugo Mãe, Pilar del Río, Marina Colasanti, Miguel Real, José Eduardo Franco, Sandra Carvalho, Miguel-Manso, Joana Lopes, David Machado, Tiago Salazar, Pedro Rodrigues, Ana Filomena Amaral e Ricardo Belo de Morais, também estão previstos lançamentos de livros.

PUB

O público infantil fica a conhecer “Manuel, O Menino com Asas de Livros”, da autoria de Joana Lopes e com ilustrações de Mafalda Milhões, e o público em geral a obra sobre o Padre Manuel Antunes, com textos inéditos de vários escritores convidados. O pároco é, igualmente, o tema do documentário “Pe. Manuel Antunes – Sacerdote Jesuíta”, que marca um dos momentos da iniciativa, assim como das duas exposições patentes na biblioteca municipal.

Em termos musicais, os participantes podem contar com o espetáculo “СОNТЯА! – Contemporânea Tradição” com atuação dos músicos Miguel Calhaz (voz e contrabaixo), Luísa Vieira (voz e flautas), Mauro Ribeiro (guitarras) e Diogo Alexandre (percussão tradicional e bateria) na Casa da Cultura. A música continua a marcar presença nas leituras de Joana Lopes, do chef Joe Best, do humorista Fernando Alvim e da equipa da Biblioteca Municipal, acompanhadas pelo piano tocado por Marco Figueiredo.

Relativamente à escolha do Padre Manuel Antunes para homenagear na sétima edição da Maratona de Leitura, o presidente da autarquia, José Farinha Nunes, justificou que “No ano do primeiro centenário do nascimento do Padre Manuel Antunes fazia todo o sentido que fosse esta figura cimeira das letras e da academia portuguesa, nascida na Sertã, a ser enaltecida”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here