Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Julho 30, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Voz aos Autarcas: Jorge Faria, Entroncamento

Entroncamento, uma cidade de pessoas e para as pessoas

- Publicidade -

O Entroncamento, como todos sabem, é uma cidade que nasceu a partir da ferrovia. O nome do concelho é reflexo disso mesmo, representando o ponto de confluência de pessoas e bens que se formou em 1864 e que se desenvolveu assente numa cultura industrial e dinâmica proporcionada por um constante crescimento populacional e económico.

A sua localização geográfica privilegiada no centro do país, na confluência das linhas do Norte e do Leste, junto à A23, A1 e A13, a apenas a cinquenta minutos de Lisboa e consequentemente das maiores infraestruturas portuárias e aeroportuárias, é um facilitador no fluxo de pessoas e mercadorias e um motor para o dinamismo que mesmo em período de crise permitiu que o Entroncamento continuasse a crescer e se tornasse na maior cidade da sub-região Médio Tejo.

- Publicidade -

O Entroncamento é um concelho eminentemente urbano com elevada concentração populacional, qualificação dos recursos humanos e poder de compra.

Na última década, a actividade comercial apresentou algum abrandamento. Sensível a esta matéria, o actual Executivo camarário tem apostado forte na dinamização económica do sector e na promoção do comércio tradicional. É exemplo disso o Programa “Viver o Comércio”, que procura dinamizar as nossas ruas e alegrar as nossas gentes ou a medida de trazer as festas para o coração da cidade.

Mas se o sector terciário representa emprego para cerca de 83% da nossa população, o sector secundário não pode ser esquecido. No entroncamento a actividade industrial representa cerca de 17% dos postos de trabalho tendo por isso um peso importante na economia local. Com o intuito de reforçar a aposta neste sector, a Câmara Municipal pretende transformar a sua Área de Localização Industrial num complexo moderno, dinâmico e que promova o crescimento tanto do Concelho como da região.

Actualmente a Área de Localização Empresarial do Entroncamento já possui uma ligação umbilical com a ferrovia. Esta realidade permite-lhe receber e enviar, de forma rápida, matérias-primas tanto para a região como para o resto do país ou mesmo para a europa. A prova desta evidência está no facto de a segunda maior empresa de transporte marítimo do mundo, a MSC, ter sediado uma das suas plataformas logísticas na nossa zona industrial, criando postos de trabalho e atraindo a fixação de novas. Pretendemos que seja também dotada de uma ligação directa à A23 e por sua vez a toda a rede de auto-estradas de que o país dispõe, mantendo e reforçando a importância estratégica do nosso concelho e da região.

No que respeita às condições de vida para os nossos jovens, a oferta escolar do concelho é variada e de qualidade, cobrindo todos os níveis de ensino, desde o pré-escolar até ao secundário, tanto no ensino público como no privado e o posicionamento geográfico do concelho facilita o acesso aos principais polos de ensino superior do país, Lisboa e Coimbra, estando também muito próximo dos politécnicos de Tomar, Santarém e Leiria.

Apostamos numa prática desportiva e vida saudável sustentada por um complexo de excelência que inclui um parque verde e desportivo, que ocupa uma área significativa do concelho (Complexo do Bonito), onde podemos encontrar piscinas, campos de futebol sintéticos e de relva natural, um parque radical, campos de ténis, o Pavilhão Desportivo Municipal ou ainda uma albufeira circundada por zonas de lazer e fruição ao ar livre e que permite a prática de um estilo de vida saudável, mesmo sendo o Entroncamento um concelho de características vincadamente urbanas. Este pulmão é ainda complementado por diversos jardins espalhados pela malha urbana e por uma rede de ciclovias, em expansão, que pretendemos que articulem todo o território minimizando a necessidade de deslocação automóvel.

Ao nível dos cuidados de saúde primários a população encontra-se totalmente coberta, sendo servida pelo centro de saúde e pela unidade de saúde familiar “Locomotiva”. No que respeita aos cuidados hospitalares existe o Hospital São João Baptista e a Unidade de Cuidados Continuados, ambos propriedade da Santa Casa da Misericórdia do Entroncamento. Embora não tendo nenhum hospital público no concelho, o Entroncamento é servido pelo Centro Hospitalar do Médio Tejo com os seus polos de Torres Novas, Tomar e Abrantes.

Uma outra área a que o concelho dá prioridade é o envelhecimento ativo. A necessidade de responder a este desafio em complementaridade com outras ações desenvolvidas por demais entidades para a área do Envelhecimento Ativo e Saudável, levou a que a Câmara Municipal equacionasse a criação e implementação de respostas integradas para o aumento da qualidade de vida na população sénior, minimizando situações de isolamento e vulnerabilidade social, bem como fomentar a participação ativa das pessoas na promoção da sua saúde, autonomia e independência na vida da sociedade em geral e das comunidades em particular.

Através do programa “Entroncamento Ativo” procuramos fomentar a prática de desportos saudáveis, designadamente caminhadas, ginástica de manutenção ou hidrocycle, cuja adesão por parte da população idosa é significativa, promovendo assim o bem-estar e aumentando a qualidade de vida. Estas atividades envolvem diversas coletividades do concelho, em parceria com a Autarquia, num esforço conjunto que só é possível por possuirmos um movimento associativo muito dinâmico e variado.

Este é o nosso Concelho, a nossa cidade. Uma cidade de gente solidária e dinâmica onde as pessoas contam. Uma cidade das pessoas e para as pessoas!

Presidente da Câmara Municipal do Entroncamento

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome