Voz aos Autarcas: Fernanda Asseiceira – Alcanena

O ano 2016 que agora se inicia representa o começo de um novo período para todos nós. É sempre uma oportunidade para um balanço anual do ano que terminou e para uma reflexão e definição de objectivos para um novo ano: ao nível pessoal, profissional, político…

PUB

Para quem exerce funções autárquicas, está perante novos desafios e responsabilidades para a boa concretização do Plano de Atividades e Orçamento para o ano 2016.

Este ano afigura-se com expectativas redobradas, pelo facto de estarmos perante um novo Governo com orientações que podem trazer alterações à nossa realidade local e nacional, mas cujo orçamento ainda não é conhecido, não obstante algumas mudanças já estarem em curso.

PUB

O Município de Alcanena inicia o ano 2016 com o lançamento de um projecto de natureza social- o Contrato Local de Desenvolvimento Social – Crescer e Desenvolver Alcanena, sendo a ADIRN – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Norte a Entidade Coordenadora do projecto. A candidatura, no valor de 449.583.33€, foi aprovada ainda em final de 2015 mas a sua implementação decorre pelo período de 36 meses, nos anos 2016, 1017 e 2018.

Este importante projecto abrange 3 eixos de intervenção:

Eixo 1 – Emprego, Formação e Qualificação

Eixo 2 – Intervenção Familiar e Parental, prevenção da pobreza infantil

Eixo 3 – Capacitação da Comunidade e das Instituições

Serão concretizadas diversas actividades em parceria com os nossos parceiros da Rede Social Municipal, permitindo reforçar a marca social do nosso mandato e continuar a afirmar o concelho de Alcanena como um concelho Solidário.

Temos outro projecto de marca social lançado para este ano: Cabaz «Bébé Feliz» que visa reconhecer e valorizar a importância da natalidade neste território, sendo uma forma de o Munícipio se associar às famílias que promovem a natalidade no concelho e de nos congratularmos com a boa nova que representa o nascimento de um(a) bébé.

Aguardamos o arranque pleno do Portugal 2020 e a abertura de candidaturas nas várias áreas, nomeadamente ao nível de novos equipamentos sociais para que, em parceria com o CRIT – Centro de Reabilitação e Integração Torrejano, possamos concretizar a construção do Lar Residencial para Pessoas com Deficiência em Alcanena.

Estão a decorrer dois protocolos assinados no final de 2015 que até final de 2017 permitem transferir para o Centro de Bem Estar Social de Minde e para o Centro de Bem Estar Social da Serra de Santo António 600. 000 €   ( 300.000€ para cada), para apoio à construção de Edifícios com a valência de Lar.

Contribuímos ainda para a melhoria das condições das instalações, da AIGIL na Louriceira, algumas ainda a decorrer, o que assegura melhor serviço por parte também dessa IPSS aos seus utentes.

O Município de Alcanena, está assim atento e próximas das Instituições Particulares de Solidariedade Social, sempre que para tal é solicitado.

O ano 2016 é também o ano do lançamento do Orçamento Participativo Jovem cujo processo de aceitação de candidaturas se encontra a decorrer até final do mês de Janeiro. Os projectos serão posteriormente votados e o projecto seleccionado até ao valor de 10 000 euros será concretizado pelo município ainda durante o ano em curso. Tem como grande objectivo a promoção da cidadania participativa junto dos mais jovens.

Nesta primeira participação do ano na rubrica «Voz aos Autarcas», escolhi a temática social para destacar alguns dos principais projectos que estão em curso, porque são efectivamente as pessoas em geral e em particular as que mais precisam de apoio, que devem merecer a nossa preocupação e por isso a nossa intervenção colectiva e integrada.

Termino, agradecendo à MÉDIOTEJO.NET esta oportunidade, e aproveito para os (as) felicitar e para desejar um Bom Ano a todos os colaboradores.

Fernanda Asseiceira

Presidente da Câmara Municipal de Alcanena

PUB
PUB
Fernanda Asseiceira
Presidente da Câmara Municipal de Alcanena

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).