Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sábado, Junho 19, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

VN Barquinha | Tancos festeja em honra de Nossa Senhora da Piedade

As Festas em Honra de Nossa Senhora da Piedade são celebradas em Tancos entre os dias 11 e 15 de agosto com um programa em que não faltam concertos, folclore, canoagem, artesanato, petiscos e atinge o ponto alto com as cerimónias religiosas que incluem a procissão fluvial.

- Publicidade -

- Publicidade -

Os festejos têm início às 18h00 de sexta-feira, dia em que a animação musical está a cargo dos Djs Addline e Alex V, às 21h00. O ritmo de sábado é o do Dj Marco Contis, às 23h00, o de domingo o a banda “Épra já” (21h00) e nos dois últimos dias, sempre às 21h00, o do grupo “Arregaita”.

No dia 12 surgem as atividades ligadas à canoagem com a realização da Descida da Juventude a partir das 09h00, cujas inscrições podem ser feitas através do número 915 454 527, e à dança com o Festival de Folclore organizado pelo Grupo Folclórico “Os Pescadores” de Tancos.

- Publicidade -

O anfitrião sobe ao palco com o Rancho Folclórico de S. Tiago (Mirandela), o Rancho Folclórico de Paço de Sousa (Penafiel), o Rancho Folclórico de Vilarinho de Cima (Gandra, Paredes) e o Rancho Folclórico e Cultural de Santo Amaro (Sousel) a partir das 21h00.

O artesanato pode ser conhecido nos diversos stands montados no recinto da aldeia ribeirinha no primeiro dia desde a hora da abertura oficial, nos dias 11, 13 e 15 a partir das 16h30 e no dia 14 a partir das 18h00. Durante o fim-de-semana, os petiscos também podem ser saboreados durante o almoço com a abertura das tasquinhas às 13h00.

O programa termina no feriado religioso, dia da Assunção de Nossa Senhora, e é marcado pelas cerimónias religiosas que começam as procissões em honra de Nossa Senhora da Piedade. A primeira está marcada para as 17h00, seguindo-se a fluvial meia-hora mais tarde com a travessia da imagem da santa para o Arripiado. Os momentos ligados à fé terminam com a missa solene, pelas 18h00.

Nasceu em Vila Nova da Barquinha, fez os primeiros trabalhos jornalísticos antes de poder votar e nunca perdeu o gosto de escrever sobre a atualidade. Regressou ao Médio Tejo após uma década de vida em Lisboa. Gosta de ler, de conversas estimulantes (daquelas que duram noite dentro), de saborear paisagens e silêncios e do sorriso da filha quando acorda. Não gosta de palavras ocas, saltos altos e atestados de burrice.

- Publicidade -
- Publicidade -

COMENTÁRIOS

Please enter your comment!
O seu nome