- Publicidade -

Segunda-feira, Dezembro 6, 2021
- Publicidade -

VN Barquinha | Paióis de Tancos poderão vir a ser campo militar

O Exército deu hoje, dia 31 de outubro, por terminada a “operação delicada e penosa” de esvaziamento dos Paióis Nacionais de Tancos, que poderá ser reconvertido num campo militar, disse o chefe do Estado-Maior do ramo, Rovisco Duarte.

- Publicidade -

Depois de decidida a desativação dos Paióis de Tancos na sequência do furto de material militar em junho, o esvaziamento e transporte de munições, explosivos e artifícios de fogo iniciou-se a 2 de outubro, uma “operação delicada e penosa” como classificou o chefe do Estado-Maior General do Exército, Rovisco Duarte.

A operação, designada “Troia”, a cargo do coronel Roldão, terminou hoje com a transferência da última coluna com material militar para o campo de tiro de Alcochete, da Força Aérea Portuguesa.

- Publicidade -

Em conferência de imprensa, na Unidade Apoio Geral Material do Exército (UAGME), Benavente, Rovisco Duarte disse que foram transferidas mil paletes, num total de 1100 toneladas, envolvendo 51 militares e mais de 30 viaturas e equipamentos pesados, entre os quais cinco camiões e plataformas, cinco viaturas táticas ligeiras, uma ambulância e quatro empilhadores.

Quanto ao destino dos paióis de Tancos, Rovisco Duarte disse que vão ser mantidas “para já” e com vigilância para não serem vandalizadas.

“Estou extremamente satisfeito com o esvaziamento dos paióis de Tancos”, afirmou, considerando que a opção permite concentrar os investimentos de segurança em Santa Margarida e aproveitar as capacidades que existem nos paióis do Marco do Grilo, para cujas despesas de manutenção do Exército também contribui, e no campo de Tiro de Alcochete.

Por uma questão de “racionalização de meios” e de “gestão de infraestruturas”, disse, “não fazia sentido manter” os paióis de Tancos, disse, admitindo que ao longo dos anos houve “erros estruturais e erros sistémicos” na filosofia seguida pelo Exército quanto às instalações.

“Por isso é que eu falei em erros estruturais e erros sistémicos, não houve uma análise integrada não só do Exército mas de toda a gente, em termos de racionalização das infraestruturas. Quando surge este incidente, percebeu-se que não fazia sentido manter Tancos”, admitiu.

Rovisco Duarte disse que está em estudo uma proposta para reconverter os paióis de Tancos num campo militar, à semelhança do de Santa Margarida, para aproveitar as “sinergias” permitidas pela proximidade entre as duas instalações.

Na primeira fase da operação de esvaziamento dos paióis de Tancos, entre 02 e 26 de outubro, foi transportado material dos paióis de Tancos para os paióis de Marco do Grilo, Seixal, (Marinha) e, numa segunda fase, entre 27 e 31 de outubro, para os paióis do Campo de Tiro de Alcochete.

O restante material foi transferido para os paióis de Santa Margarida, em Constância.

Agência de Notícias de Portugal

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome