- Publicidade -

VN Barquinha | Paços do Concelho alerta em tons de azul para maus tratos na infância

Este mês de abril assinala-se o Mês Internacional da Prevenção dos Maus Tratos na Infância. Para chamar a atenção e consciencializar as pessoas para este assunto, a fachada da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, na Praça da República, vai estar iluminada com luzes azuis.

- Publicidade -

O azul remete para as nódoas negras, resultado da violência e dos maus tratos. O Mês da Prevenção dos Maus Tratos na Infância assinala-se desde a década de 80 nos Estados Unidos. A iniciativa estendeu-se ao globo, com muitos países a colocar na rua fitas azuis em memória daqueles que são vítimas de abuso infantil.

Em Portugal, a campanha simbolizada pelo Laço Azul é dinamizada por todo o país pela Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens e pelas CPCJ, com a realização de ações alusivas à temática. E é neste âmbito que o Município de Vila Nova da Barquinha, em conjunto com a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens, se volta este ano a associar a esta iniciativa global, com o edifício dos Paços do Concelho a iluminar-se de azul durante todo o mês de abril.

- Publicidade -

Uma iniciativa que pretende “chamar a atenção das pessoas para a importância da prevenção dos maus tratos na infância”, sem esquecer a consciencialização para “a parentalidade positiva, sendo fundamental o envolvimento comunitário”, conforme refere o Município em comunicado.

Abrantina mas orgulhosa da sua costela maçaense, rumou a Lisboa com o objetivo de se formar em Jornalismo. Foi aí que descobriu a rádio e a magia de contar histórias ao ouvido. Acredita que com mais compreensão, abraços e chocolate o mundo seria um lugar mais feliz.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -