- Publicidade -

VN Barquinha | Município queixa-se ao Provedor de Justiça por comboio ‘Raiano’ não parar no Concelho

A Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha prossegue a sua luta para que o comboio “Raiano” (ligação ferroviária entre as cidades do Entroncamento e Badajoz) tenha paragem na estação da vila.

- Publicidade -

- Publicidade -

Uma das mais recentes tomadas de posição foi a de enviar uma exposição ao Provedor de Justiça uma vez que, na opinião do Presidente da Câmara, Fernando Freire, “há fatos relevantes que demonstram que a decisão da CP está em desconformidade com os argumentos, nomeadamente quanto ao enlance em termos técnicos”.

O que o Município pretende é que o Provedor “verifique a legalidade ou não do ato administrativo da CP, como entidade de serviço público”.

- Publicidade -

Para a não paragem do comboio “Raiano” em Vila Nova da Barquinha, a CP invoca a “eficiência de recursos operacionais da CP”, o ponto forte que representa este comboio para a mobilidade da região e a oferta já programada e articulada com a Renfe (companhia ferroviária espanhola).

O comboio Raiano realiza duas viagens diárias, uma em cada sentido. O comboio parte do Entroncamento às 10h12 e tem chegada prevista a Badajoz às 13h16 (14h16 na hora espanhola). Regressa com saída prevista de Badajoz às 15h24 (16h24 em Espanha) e chega ao Entroncamento às 18h25 horas.

Ganhou o “bichinho” do jornalismo quando, no início dos anos 80, começou a trabalhar como compositor numa tipografia em Tomar. Caractere a caractere, manualmente ou na velha Linotype, alinhavava palavras que davam corpo a jornais e livros. Desde então e em vários projetos esteve sempre ligado ao jornalismo, paixão que lhe corre nas veias.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -