Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

Terça-feira, Outubro 26, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

VN Barquinha | Fernando Freire (PS) reeleito com maioria absoluta para terceiro mandato

Fernando Freire voltou a ganhar a confiança dos barquinhenses para um terceiro mandato à frente dos destinos da Câmara Municipal. Com uma perda de 10% dos votos comparativamente às eleições de 2017, o PS conseguiu manter a maioria absoluta (54,99%), com o PSD (16,22%) a ser a única oposição a marcar presença no executivo camarário. Ao mediotejo.net, o presidente reeleito assume que este voto dado pela população é “o resultado de um comportamento de trabalho” e que o caminho vai continuar a ser o de construir um concelho “mais belo, competitivo e dinâmico”.

- Publicidade -

- Publicidade -

Dos 6.236 eleitores inscritos em Vila Nova da Barquinha, apenas votaram nas eleições autárquicas de 26 de setembro 3.244, o que resulta numa taxa de abstenção de 48,30% – superior à registada em 2017, de 43,86%.

Mas se por um lado a abstenção aumentou, por outro o voto no Partido Socialista diminuiu. Com 1.773 votos, o PS arrecadou nas eleições deste ano 54,99% dos votos, valor que contrasta com os 65,17% conquistados em 2017.

- Publicidade -

Com este decréscimo de votação, o PS perdeu um deputado na Assembleia Municipal, um eleito na Assembleia de Freguesia de Vila Nova da Barquinha e um na Assembleia de Freguesia de Praia do Ribatejo. Por outro lado, manteve os quatro eleitos na Câmara Municipal e somou um eleito na Assembleia de Freguesia de Atalaia e outro na de Tancos.

Fernando Freire durante a campanha eleitoral para as autárquicas 2021. Imagem: mediotejo.net

No fim de contas, estas alterações não abalaram os socialistas, que mantiveram a maioria absoluta. “É o resultado de um comportamento de trabalho, sempre uma adesão plena às gentes e ao bem-estar em Vila Nova da Barquinha. Efetivamente, as pessoas que votaram – também houve muita abstenção – entenderam dar um voto de confiança, foi significativo”, assume em declarações ao mediotejo.net Fernando Freire, reeleito presidente de Câmara.

Fernando Freire foi reeleito presidente da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha com 54,99% dos votos. Imagem: mediotejo.net

Admitindo que “nestas questões o povo é soberano”, o autarca expõe que os objetivos para os próximos quatro anos se focam no desenvolvimento do concelho em termos económicos e territoriais. “Vai ser uma atitude proactiva com a participação de todos, no sentido de construir um concelho mais belo, competitivo e dinâmico. É por aí que temos o nosso caminho (…) onde também as pessoas sejam mais solidárias umas com as outras. É isso que importa e Vila Nova da Barquinha está no bom caminho”, disse ainda.

ÁUDIO | Fernando Freire (PS) fala ao mediotejo.net sobre resultados eleitorais

 

PSD GANHA TERRENO NAS FREGUESIAS DE BARQUINHA E PRAIA DO RIBATEJO

Nestas eleições, o PSD apenas não conquistou lugar nas Assembleias de Freguesia de Atalaia e Tancos – freguesias às quais não apresentou listas. Este ano sem coligação com o CDS-PP, e não obstante uma percentagem de votos (16,22%) que diminuiu comparativamente com 2017 (17,10%), os 523 barquinhenses que depositaram a sua confiança no PSD foram suficientes para manter o lugar de único vereador da oposição na Câmara Municipal – neste caso, uma vereadora, Paula Gomes da Silva (a cabeça de lista da candidatura do PSD ao Município).

Paula Gomes da Silva é a nova vereadora do PSD na Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha. Imagem: mediotejo.net

Mantendo também o número de deputados municipais (3), o PSD conquistou dois novos mandatos – um para a Assembleia de Freguesia de Vila Nova da Barquinha e outro para a de Praia do Ribatejo. Números que deixam os sociais-democratas satisfeitos. “Estou contente (…) pelo menos já começámos num caminho em que começámos a inverter as posições da liderança do PS”, admite ao nosso jornal Paula Gomes da Silva.

ÁUDIO | Paula Gomes da Silva (PSD) fala ao mediotejo.net sobre resultados eleitorais

“Eu gostaria que [o PSD] tivesse ganho mais. Acho que nós perdemos efetivamente para a abstenção – que teve valores mais elevados do que há quatro anos”, assume, deixando no entanto uma “mensagem de coragem” à população: “Vamos lutar por eles nestes quatro anos. Estou como vereadora e vou fazer um trabalho por eles (…) vou fazer o meu melhor e dar o meu melhor para combater esta inatividade do PS e este poder instalado do PS”, defendeu.

Chega entra na Assembleia Municipal e passa à frente da CDU

A conquistar o lugar de terceira força política mais votada (12,41%) no concelho de Vila Nova da Barquinha (com 400 votos à Câmara Municipal e 542 à Assembleia Municipal, os dois órgãos a que concorreu), o Chega conquistou nestas eleições autárquicas dois eleitos para a Assembleia Municipal, ficando à frente da CDU, que perdeu um mandato neste mesmo órgão deliberativo.

Com 9,93% dos votos, ainda a Coligação Democrática Unitária manteve os eleitos nas Assembleias de Freguesia de Atalaia, Vila Nova da Barquinha e Praia do Ribatejo, apenas conseguindo mais um eleito na de Tancos, na qual não tinha até então representação.

“O mais importante é que continuamos a ter representatividade em todas as freguesias, na Assembleia Municipal, faltando um órgão que para nós é um objetivo que perseguimos há uns anos e que não foi conseguido [Câmara Municipal], disse João Filipe Ricardo (CDU) ao mediotejo.net.

Admitindo que a descida relativamente aos valores obtidos em 2017 não é preocupante e que a mesma é até “compensada com uma subida muito agradável nas Assembleias de Freguesia”, o candidato da CDU assume continuar a estar atento àquilo que é feito no concelho e deixa uma mensagem à população: “É importante começarem a abrir a pestana”.

ÁUDIO | João Filipe Ricardo (CDU) reage aos resultados eleitorais

“Olhem para a vida da sua freguesia, não se acomodem, participem porque a democracia e as eleições foram conquistadas por muita luta, por muita gente que deu a vida para isto”, disse ainda.

Em último lugar na tabela de votação no concelho barquinhense ficou o CDS-PP, com uma percentagem inferior a 1% (0,87%) na votação à Câmara Municipal, único órgão a que concorreu.

RESULTADOS ELEITORAIS

Câmara Municipal:
PS – 4 eleitos; PSD – 1 eleito.

Autárquicas 2021 em Vila Nova da Barquinha. Fonte: MAI

Assembleia Municipal:
PS – 9 eleitos; PSD – 3 eleitos; Chega – 2 eleitos; CDU – 1 eleito.

Autárquicas 2021 em Vila Nova da Barquinha. Fonte: MAI

Assembleia de Freguesia de Atalaia:
PS – 7 eleitos; CDU – 2 eleitos.

Autárquicas 2021 em Vila Nova da Barquinha. Fonte: MAI

Assembleia de Freguesia de Vila Nova da Barquinha:
PS – 6 eleitos; PSD – 2 eleitos; CDU – 1 eleito.

Autárquicas 2021 em Vila Nova da Barquinha. Fonte: MAI

Assembleia de Freguesia de Praia do Ribatejo:
PS – 5 eleitos; PSD – 3 eleitos; CDU – 1 eleito.

Autárquicas 2021 em Vila Nova da Barquinha. Fonte: MAI

Assembleia de Freguesia de Tancos:
PS – 6 eleitos; CDU – 1 eleito.

Autárquicas 2021 em Vila Nova da Barquinha. Fonte: MAI

Abrantina mas orgulhosa da sua costela maçaense, rumou a Lisboa com o objetivo de se formar em Jornalismo. Foi aí que descobriu a rádio e a magia de contar histórias ao ouvido. Acredita que com mais compreensão, abraços e chocolate o mundo seria um lugar mais feliz.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome