Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Setembro 27, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

VN Barquinha | Escola Municipal de Futebol retoma atividade

Depois de um período de paragem em consequência da pandemia de Covid-19, a Escola Municipal de Futebol (EMF) de Vila Nova da Barquinha volta a abrir portas para a retoma da atividade desportiva no sábado, 17 de outubro.

- Publicidade -

A informação foi avançada esta quarta-feira em sede de reunião camarária, onde veio para tomada de conhecimento o plano de contingência da Escola Municipal de Futebol para fazer face à propagação da Covid-19.

Após um período de paragem devido à pandemia, o equipamento desportivo vai retomar as atividades com o arranque do ano letivo 2020/2021 no próximo sábado, 17 de outubro, no Parque Desportivo Municipal de Atalaia.

- Publicidade -

Em comunicado, o Município elucida que as atividades vão decorrer tendo em conta o respetivo plano de contingência Covid-19 “preparado para o contexto de treino, onde constam todas as medidas e procedimentos a praticar na Escola, como forma de salvaguardar os atletas e o staff da EMF”. Além disso, não vai ser permitida a presença de público no parque desportivo.

As inscrições para este ano letivo na Escolas Municipal de Futebol estão limitadas até ao máximo de 60 alunos, que vão ser divididos por turmas de 15 alunos cada. “A seriação desta seleção será efetuada mediante a ordem de inscrição e visualizada pelo professor responsável”, refere ainda a nota do Município.

As inscrições para ingressar na Escola Municipal de Futebol estão a decorrer até esta sexta-feira, 16 de outubro, e podem ser efetuadas no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha – no horário 9:00 – 12:30 e 14:00 – 17:30 – ou no Parque Desportivo Municipal de Atalaia.

Para mais informações, o Município informa que deve contactar o Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha através do telefone 249 720 358.

Imagem: CMVNB

Abrantina mas orgulhosa da sua costela maçaense, rumou a Lisboa com o objetivo de se formar em Jornalismo. Foi aí que descobriu a rádio e a magia de contar histórias ao ouvido. Acredita que com mais compreensão, abraços e chocolate o mundo seria um lugar mais feliz.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome