Quarta-feira, Março 3, 2021
- Publicidade -

VN Barquinha | Escola Ciência Viva é finalista dos prémios Archdaily (c/fotogaleria)

Os leitores do ArchDaily (site de arquitetura com mais de 500 mil leitores diários) selecionaram a Escola Ciência Viva (ECV) de Vila Nova da Barquinha, da autoria dos Arquitectos Aires Mateus, candidata a prémio de Arquitectura, sendo finalista do Prémio Obra do Ano 2017.

- Publicidade -

- Publicidade -

Ao longo da última semana, os leitores do site escolheram 15 de entre 400 projetos de todo o mundo. Após uma semana de nomeações, os leitores do ArchDaily escolheram as suas obras favoritas, num universo que esteve próximo dos mil edifícios construídos nos países de língua portuguesa. Das 15 obras finalistas sete são portuguesas, sendo que apenas uma delas não foi construída em território nacional e está implantada em Angola.

Os sete finalistas portugueses são: Mr&Ms White Store, do gabinete Paulo Merlini Arquitectos; Escola em Vila Nova da Barquinha, dos Aires Mateus; os Passadiços do Paiva, da Trimetrica; o Centro Social e Paroquial da Costa Nova, ARX Portugal; o projecto Pombal, da autoria de AZO. Sequeira Arquitectos Associados; a Casa da Moeda, em Angola, do gabinete Costa Lopes; e a Casa no Restelo, de João Tiago Aguiar.

- Publicidade -

Recorde-se que esta é a primeira edição do prémio que abrange projetos construídos em países lusófonos e que convida os leitores do portal a reconhecer as obras divulgadas durante 2016, destacando as que “marcam a melhor forma de fazer arquitetura”, refere o ArchDaily.

Até à próxima terça-feira, dia 28 de março, todos os leitores podem, no portal, conhecer em detalhe as obras finalistas e votar (uma vez por dia) naquelas que julgam ser os melhores exemplos da arquitetura lusófona contemporânea.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).