VN Barquinha: Melhores paraquedistas do mundo em competição

foto: mediotejo.net

O 36º Challenge Inter-Écoles de Parachutisme teve início esta segunda-feira, dia 11, no Regimento de Paraquedistas, em Tancos, integrado nas comemorações do 60º aniversário das Tropas Paraquedistas Portuguesas. Até ao próximo sábado estarão ali reunidas as melhores escolas de paraquedismo militar num evento de referência mundial que engloba uma competição desportiva aeroterrestre, uma cimeira de comandantes e um seminário técnico-doutrinário.

PUB
PUB

A trigésima sexta edição do Challenge Inter-Écoles de Parachutisme começou esta segunda-feira no Regimento de Paraquedistas, em Tancos, e continua até ao próximo dia 15 de julho. O evento engloba uma competição desportiva aeroterrestre na forma de pentatlo com provas de tiro, de corrida e orientação, de natação e de saltos de precisão de paraquedas (abertura automática e abertura manual), uma cimeira de comandantes idealizada para fomentar protocolos de cooperação entre os países participantes e um seminário técnico-doutrinário em que serão partilhados e desenvolvidos conhecimentos técnicos e táticos.

fotos: mediotejo.net
fotos: mediotejo.net

A cerimónia de abertura decorreu durante a manhã com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, Fernando Freire, do Embaixador do Reino da Bélgica e de representantes dos nove países participantes (Bélgica, Espanha, Polónia, Portugal e Reino Unido em competição e os Estados Unidos da América, Angola e Brasil na condição de observadores). À tarde deu-se início, em simultâneo, à prova de tiro e ao seminário técnico-doutrinário, que termina no dia 14.

PUB

O Coronel Vasco Pereira, Comandante do Regimento de Paraquedistas, destacou no seu discurso o legado “rico” dos paraquedistas adquirido ao longo dos últimos 60 anos. Um facto que representa“orgulho e honra” e traz consigo “uma grande responsabilidade e compromisso” na organização de um evento com “elevada importância para a comunidade paraquedista”.

fotos: mediotejo.net
fotos: mediotejo.net

Por sua vez, o Major General Carlos Perestrelo, Comandante da Brigada de Reação Rápida, expressou a sua satisfação por receber as diversas delegações no Regimento de Paraquedistas em Tancos pela sexta vez, depois das edições ali realizadas em 1983, 1991, 1997, 2005 e 2009. A importância do Challenge Inter-Écoles de Parachutisme ao nível da partilha de conhecimentos entre escolas de paraquedismo militar e o desenvolvimento de laços de amizade e de competências foram igualmente salientados.

PUB

O major Nuno Silva, responsável pela competição desportiva desta edição, esteve junto dos 30 elementos que compõem as cinco equipas em competição durante a cerimónia e mais tarde na prova de tiro em que os mesmos demonstraram as suas capacidades nas três posições de soldado (deitado, de joelhos e em pé). A sua participação não é uma estreia na medida em que fez parte da organização da edição de 2005.

fotos: mediotejo.net
fotos: mediotejo.net

Ao jornal mediotejo.net destacou as quatro vertentes do Challenge que passam pela aproximação entre “a comunidade militar e a população”, “os vários países participantes” e “os comandos das unidades de paraquedistas”, a par do “intercâmbio de experiências e conhecimentos no sentido de melhorar mutuamente as nossas técnicas, táticas e procedimentos”.

O facto das provas serem abertas à população é apontado como um ponto fundamental. Além da prova de tiro, também se realizam em Tancos a prova de saltos de precisão de paraquedas de abertura manual (zona do aeródromo) no dia 13, e a prova de natação no dia 15. A prova de saltos de precisão de paraquedas de abertura automática disputou-se esta terça-feira na zona do Arrepiado e a prova de orientação e corrida terá lugar a 14 perto do campo de futebol do Tramagal.

fotos: mediotejo.net
fotos: mediotejo.net

A vinda de equipas internacionais para a região do Médio Tejo é outro contributo importante do Challenge Inter-Écoles de Parachutisme, na opinião do major. Este defende que o evento “não pode ser encarado apenas do ponto de vista militar” pois “mais do que militares estrangeiros eles são habitantes de outros países que vão levar isto para casa”. Recebê-los bem não se coloca em questão, mas quanto aos vencedores da competição desportiva, ri-se ao responder que as expetativas são “similares ao campeonato da Europa”.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here