VN Barquinha é o único concelho do interior que não perdeu população nos últimos 10 anos

VN Barquinha é o único concelho do interior que não perdeu população nos últimos 10 anos. Foto: mediotejo.net

O que é que Vila Nova da Barquinha tem para ser o único concelho, entre os municípios de baixa densidade, que não perdeu população nos últimos anos? É certo que o aumento de residentes é residual, mas contraria uma tendência de quebra acentuada de população verificada em todos os outros municípios do interior.

PUB

Os dados do Instituto Nacional de Estatística revelam que Vila Nova da Barquinha tem aumentado o número de habitantes nos últimos quatro anos. É, aliás, o único concelho do interior que ganhou população em 2018 face a 2008. Constância também regista indicadores positivos nos últimos quatro anos.

São múltiplos os fatores que podem ajudar a explicar este fenómeno em Vila Nova da Barquinha. Para o presidente da Câmara, Fernando Freire (PS), a centralidade da vila (a uma hora de Lisboa e de Coimbra), as boas acessibilidades (A23 e A13), a política fiscal da autarquia que incentiva a reabilitação de imóveis, o parque escolar “de excelência”, a oferta educativa, a qualidade de vida e a segurança são argumentos que pesam na escolha para quem decide residir neste concelho.

PUB

Prova da vitalidade do município são as obras de reabilitação de casas para dar resposta à procura de habitação. Mesmo assim, a oferta não consegue acompanhar a procura e neste momento é difícil encontrar uma casa para arrendar no centro da vila.

Ali ao lado está Constância, um dos concelhos que menos perdeu população (0,27%) nos últimos 10 anos, e que regista um aumento do número de moradores nos últimos quatro anos.

População (Nº de habitantes)

 Ano VN Barquinha Constância
2018 7 402 4 002
2017 7 381 3 998
2016 7 314 3 990
2015 7 286 3 984

Fonte: Estimativa do INE

PUB
PUB

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser), através do IBAN PT50001800034049703402024 (conta da Médio Tejo Edições) ou usar o MB Way, com o telefone 962 393 324.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here