VN Barquinha: Congresso assinala o centenário do Milagre de Tancos a 9 e 12 de abril

A preparação do Corpo Expedicionário Português para a I Guerra Mundial no Centro de Instrução de Tancos é o tema central do congresso que terá lugar em Vila Nova da Barquinha nos próximos dias 9 e 12 de abril. Na primeira data, o episódio conhecido pelo “Milagre de Tancos” será apresentado por um painel de cinco oradores, seguindo-se a inauguração de duas exposições e a visita ao Polígono Militar de Tancos. O programa fecha três dias depois com as celebrações do Dia do Combatente.

PUB
PUB

O Congresso Comemorativo do Centenário do Milagre de Tancos terá início no dia em que se assinalam os 98 anos da Batalha de La Lys, na Flandres, para a qual o CEP – Corpo Expedicionário Português se preparou no Centro de Instrução de Tancos. Ao longo da manhã cinco oradores apresentarão diferentes perspetivas no Centro Cultural sobre os três meses de treino de cerca de 20.000 soldados sob orientação do General Norton de Matos, secundado pelo General Tamagnini na cidade improvisada de “Paulona”.

A sessão de boas-vindas está marcada para as 09h30 e Lia Ribeiro, mestre em História das Ideologias e Utopias Contemporâneas pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra e docente na Escola D. Maria II, será a primeira oradora intervir com uma apresentação sobre “O Ano do Milagre”, seguindo-se Carlos Matos Gomes, coronel reformado e co-organizador da obra Portugal e a Grande Guerra, que falará sobre “O Imaginário Português e a I Grande Guerra”.

PUB

Após o intervalo, “Roberto Baptista: da Divisão de Instrução ao CEP” é apresentado por Luís Alves de Fraga, coronel doutorado em História pela Universidade Autónoma de Lisboa, autor de inúmeras obras e membro do Conselho Científico da Comissão Portuguesa de História Militar. A manhã termina com a análise das “Comunicações em Campanha: da Divisão de Instrução à Instalação do CEP” feita por Aniceto Afonso e Jorge Costa Dias, ambos coronéis reformados de destacadas carreiras militares e autores de diversos livros relacionados com o tema.

O evento tem a organização conjunta do Agrupamento de Escolas de Vila Nova da Barquinha, do município e do núcleo da Lida dos Combatentes do Entroncamento/Vila Nova da Barquinha e continua depois do almoço livre perto do Monumento ao Combatente, onde jazem os restos mortais de António Gonçalves Curado, o primeiro português a tombar frente às tropas alemãs em La Lys. A partir das 14h30 serão inauguradas duas exposições na Galeria Santo António, uma iconográfica sobre o Milagre de Tancos e outra fotográfica alusiva ao centenário da I Grande Guerra.

PUB

Ainda durante a tarde, os participantes terão oportunidade de acompanhar o Coronel Luís Albuquerque, Diretor do Museu Militar de Lisboa, numa visita ao Polígono Militar de Tancos, que será a última atividade do dia, mas não a última do programa. O Congresso Comemorativo do Centenário do Milagre de Tancos termina na terça-feira, dia 12, com as Comemorações do Dia do Combatente, marcadas para as 11h30, no Monumento ao Combatente.

Cartaz
Cartaz

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here