Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Sábado, Outubro 16, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

VN Barquinha | Câmara atribui apoio de 8 mil euros à Loja Social para ajuda a famílias carenciadas (c/ÁUDIO)

A Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha aprovou por unanimidade a atribuição de um apoio de 8 mil euros à Loja Social do concelho para este primeiro trimestre. Ao mediotejo.net, o presidente do Município, Fernando Freire, explana que este apoio de reforço é atribuído “no sentido também de nos anteciparmos a algumas crises que podem vir na sequência da questão pandémica”. O autarca sublinhou em reunião do executivo camarário que têm vindo a aumentar “os pedidos de urgência e pontuais” no concelho.

- Publicidade -

A proposta de apoio da autarquia à Loja Social de Vila Nova da Barquinha, com a atribuição de um montante de 8 mil euros para o primeiro trimestre de 2021 pretende garantir que “não falte o socorro, o acudir às situações de emergência social que vivemos no dia a dia”, conforme admite o presidente da Câmara Municipal ao mediotejo.net, sobretudo neste “período excecional que vivemos”.

“Neste momento entendemos que, face às necessidades – que são muitas e que nos estamos a aperceber já no primeiro trimestre de 2021 – vamos fazer um reforço de 8 mil euros [à Loja Social] já no sentido também de nos anteciparmos a eventualmente algumas crises que podem vir na sequência da questão pandémica que vivemos e que tem repercussões sociais no tecido social de Vila Nova da Barquinha”, disse Fernando Freire.

- Publicidade -

Áudio | Presidente da CM VN Barquinha, Fernando Freire, ao mediotejo.net:

Este apoio pretende dar resposta a necessidades identificadas como a compra de bens essenciais, alojamento e alimentação. Recorde-se que a este respeito, a vereadora Marina Honório dava conta em dezembro – aquando da distribuição de cabazes de Natal a famílias carenciadas – de que em 2020 a Loja Social teve “uma quebra significativa dos bens”, consequência da saída da Cáritas desta iniciativa.

Em reunião de Câmara esta quarta-feira, 10 de março, o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, referiu que os pedidos de urgência e pontuais “têm aumentado face à pandemia”.

47 famílias inscritas na Loja Social de Vila Nova da Barquinha em 2021

A Loja Social de Vila Nova da Barquinha está localizada numa das antigas escolas primárias de Moita do Norte. Fotos: mediotejo.net

No presente ano de 2021, até março, encontram-se inscritos na Loja Social de Vila Nova da Barquinha 47 famílias, número que se traduz em “69 adultos, 10 jovens e 11 crianças”, conforme referiu o presidente da Câmara Municipal em reunião do executivo camarário. Por freguesia, Vila Nova da Barquinha é a que regista maior número de famílias inscritas, com 26.

Já no ano de 2020, foram apoiadas mensalmente uma média de 33 famílias através da entrega de cabazes de alimentação e de apoios pontuais – como pagamento de água, luz, renda. Apoios esses que o autarca barquinhense considera serem “essenciais para a recuperação social de cada um dos agregados”. Em termos comparativos com o ano 2019, foram apoiadas mensalmente uma média de 48 famílias e em 2018 foram apoiadas mensalmente 45 famílias, adiantou também o edil.

A funcionar na Rua Ribeiro da Maia, na antiga Escola Primária da Moita do Norte (de terça a quinta-feira das 9h30 às 13h00 e das 14h00 às 16h30) e também antiga Cantina Escolar junto à EB1 de Praia do Ribatejo (às terças-feiras das 9h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30, e às quartas-feiras das 9h00 às 12h30) a Loja Social procura “combater a pobreza através de apoios que assegurem a satisfação das necessidades das famílias, estimulando a sua participação ativa no processo de mudança”, conforme se pode ler na página da Internet do Município barquinhense.

Durante todo o ano, a Loja Social disponibiliza apoio social ao nível de bens alimentares, balneário e lavandaria sociais, loja de roupa e banco de livros. Para situações de emergência, os munícipes podem entrar em contacto com a Loja Social através dos números 249 720 358 ou 967 333 370 ou via eletrónica, pelo e-mail lojasocial@cm-vnbarquinha.pt.

Abrantina mas orgulhosa da sua costela maçaense, rumou a Lisboa com o objetivo de se formar em Jornalismo. Foi aí que descobriu a rádio e a magia de contar histórias ao ouvido. Acredita que com mais compreensão, abraços e chocolate o mundo seria um lugar mais feliz.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome