Vila de Rei | Todos os funcionários de lares de idosos testados à covid-19

Período de testes a funcionários dos lares de idosos ocorreu de 7 a 15 de maio, nas Tasquinhas do Parque de Feiras. Foto: CMVR

A Câmara Municipal de Vila de Rei informou que o programa de testagem de todos os funcionários de lares de idosos do concelho se encontra concluído, tendo terminado na manhã de sexta-feira, dia 15. Foram realizados 239 testes aos funcionários de todas as ERPI do concelho. Também funcionários afetos a creches e jardins-de-infância já foram testados a tempo da reabertura dos espaços a 18 de maio, e os Bombeiros começaram a fazer testes de despiste preparando-se para a época de incêndios, que iniciou esta sexta-feira, dia 15.

PUB

Prevê-se que futuramente sejam testados funcionários da Câmara Municipal, em serviços de atendimento ao público, serviços operacionais como recolha do lixo e coveiro, e ainda os funcionários da Ação Social.

Os testes a funcionários de ERPI (Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas) tiveram lugar entre 7 e 15 de maio, com 239 testes realizados aos funcionários de todos estes lares do concelho.

PUB

Exceção para a Unidade de Cuidados Continuados de Vila de Rei, pois sendo uma Unidade de Saúde segue as orientações do Ministério da Saúde. Prevê-se que os seus funcionários sejam testados no futuro, informa a autarquia.

O Presidente da Câmara Municipal, Ricardo Aires, crê que esta despistagem ajuda a ter “mais argumentos” e fazer “uma radiografia geral do número de infetados nos lares de idosos do concelho, para debelar esta situação”.

PUB

Ricardo Aires referiu que a par dos testes realizados em funcionários de lares de idosos, foram também realizados testes aos funcionários afetos a estabelecimentos escolares, nomeadamente creches e jardins-de-infância. Também os bombeiros já começaram a ser chamados para realização de testes, algo que deverá ficar concluído durante o fim-de-semana, marcando o início da época de incêndios.

“São profissionais de primeira linha, têm que ser testados e estamos a ir ao encontro daquilo que o Governo de Portugal reivindica, que as pessoas sejam cada vez mais testadas. Até agora os resultados têm dado negativo, e esperamos que assim continue”, disse o autarca.

Numa próxima fase serão testados alguns funcionários das Câmaras Municipais, uma vez que a Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo e os 13 municípios decidiram comprar dois mil testes que serão dirigidos aos trabalhadores do atendimento presencial e de trabalhos operacionais, como a recolha do lixo, coveiros, e funcionários da Ação social que andam no terreno todos os dias.

“Pretende-se que todos eles sejam testados para lhes dar algum conforto e alívio, nomeadamente no desempenho das suas funções. Mas temos de continuar com as mesmas medidas de autoproteção, segurança e higiene. Só assim conseguimos derrotar esta pandemia”, notou o autarca.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here