Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Domingo, Julho 25, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Trincanela

Vila de Rei | Serviço de teleassistência reforça aposta social da autarquia

A Câmara Municipal de Vila de Rei encontra-se a desenvolver medidas que visam o reforçar dos projetos “Um Amanhã Mais Humano” e teleassistência a implementar no concelho, participando no projeto “10 Mil Vidas” que visa proporcionar uma vida mais longa, saudável, feliz e um envelhecimento mais ativo à sua população, servindo assim de complemento às medidas já existentes.

- Publicidade -

Em nota de imprensa a autarquia refere que “o Projeto 10 Mil Vidas pretende ser o ponto de partida para uma mudança de paradigma no apoio social e de saúde à população idosa em Vila de Rei. Trata-se de um projeto estruturante para reformular a forma de apoio aos idosos através de um modelo colaborativo apoiado por meios tecnológicos mais avançados na área da teleassistência e telessaúde, agindo preventivamente sobre eles”, lê-se.

Este projeto está inserido da iniciativa Portugal Inovação Social, apresentada pela ANCS – Associação Nacional de Cuidado e Saúde e envolve misericórdias e outras instituições de solidariedade social (IPSS), bem como as unidades de cuidados na comunidade (UCC), que prestam cuidados de saúde e apoio psicológico e social de âmbito domiciliário e comunitário, enquanto estruturas locais do Serviço Nacional de Saúde (SNS), o projeto pretende dar resposta a emergências, gestão da medicação e recolha de leituras de tensão arterial e de glucose dos idosos.

- Publicidade -

Com vista ao envelhecimento ativo, o município entende que deve ajudar as instituições locais a prestar um apoio mais completo, a mais pessoas, e de forma economicamente mais sustentável.

Ricardo Aires, presidente da CM Vila de Rei, “trata-se de uma ferramenta que possibilita às pessoas permanecerem mais tempo na sua habitação, com mais acompanhamento e com uma maior qualidade de vida”.

 

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here