Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Outubro 21, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Vila de Rei | Piscina Coberta de Aprendizagem retoma atividades regulares

A Piscina Coberta de Aprendizagem, no Complexo de Piscinas de Vila de Rei, retomou todas as suas atividades esta segunda-feira, 3 de maio, na sequência do desconfinamento progressivo implementado pelo Governo. Ainda assim, alerta o Município, a utilização da piscina vai continuar a obedecer a um conjunto de regras para proteção e segurança de utilizadores e funcionários do espaço.

- Publicidade -

Em nota de imprensa, a autarquia refere que o limite máximo de utilizadores em simultâneo passa a ser de 20 pessoas no tanque da piscina e de 7 pessoas em cada balneário.

Já a utilização em regime livre mantém-se disponível com necessidade de marcação prévia para o telefone 274 898 501.

- Publicidade -

Entre as regras aplicadas nesta reabertura da Piscina Municipal, destacam-se “a obrigatoriedade de desinfeção das mãos à entrada do edifício e do tanque da piscina; durante as aulas, deverá ser cumprido o distanciamento físico entre utilizadores; poderá haver pessoas a assistir às aulas e/ou a auxiliar os filhos nos balneários, com obrigação do uso de máscara”, pode ler-se.

“As normas de funcionamento deste espaço podem estar sujeitas a alterações, consoante as diretrizes da DGS”, ressalva o município.

Para qualquer informação ou dúvida sobre as regras e condicionantes de utilização da piscina, tais podem ser consultadas na Receção do Complexo de Piscinas, através do endereço de correio eletrónico piscinas@cm-viladerei.pt ou do número 274 898 501.

O horário e calendário de atividades encontra-se disponível em www.cm-viladerei.pt.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome