Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quinta-feira, Outubro 21, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Vila de Rei | Município empresta equipamento informático a alunos do concelho

O município de Vila de Rei anunciou que vai disponibilizar um conjunto de equipamentos informáticos a alunos do Agrupamento de Escolas do concelho, de forma a permitir o acesso ao novo modelo de ensino à distância. Serão emprestados por três meses computadores portáteis, tablets e ligações à Internet, abrangendo alunos desde o 1º Ciclo do Ensino Básico ao Ensino Secundário. O município vai ainda adquirir mais 34 computadores enquanto reforço de resposta às necessidade dos alunos.

- Publicidade -

Ricardo Aires, presidente da Câmara de Vila de Rei, entende que, dado o atual contexto “é imperativo garantir o acesso à educação a todos os alunos do nosso Agrupamento de Escolas. Com esta cedência de material informático estamos a garantir a equidade no acesso ao programa curricular, tornando possível que os nossos alunos possam acompanhar as aulas nesta nova realidade de ensino à distância”, refere em nota de imprensa.

A Câmara de Vila de Rei menciona que o processo está a ser feito em articulação com o Agrupamento de Escolas, sendo que o material vai ser “cedido em regime de empréstimo pelo período de três meses, até à conclusão do terceiro período do ano letivo”.

- Publicidade -

“Os alunos que recebem este material informático foram indicados pelo Agrupamento de Escolas de Vila de Rei e frequentam diferentes níveis de escolaridade, desde o 1º Ciclo até ao Ensino Secundário”, refere a mesma informação.

Por outro lado, os computadores, tablets e demais equipamentos foram adquiridos no âmbito do Programa de Promoção do Sucesso Escolar (PEDIME), mas a CM Vila de Rei diz que vai adquirir “por sua própria conta e iniciativa” mais 34 computadores “para reforçar a sua capacidade de resposta e garantir que todos os alunos possam aceder às suas aulas”, lê-se.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome