Domingo, Fevereiro 28, 2021
- Publicidade -

Vila de Rei é o 5º concelho do país com água, saneamento e recolha de lixo mais baratos

O município de Vila de Rei ocupa a quinta posição entre 308 concelhos do país com o serviço triplo de abastecimento de água, serviço de saneamento de águas residuais e serviço de gestão de resíduos sólidos urbanos mais barato, segundo um estudo da Deco Proteste, noticiado na edição de 2 de fevereiro do Jornal de Notícias.

- Publicidade -

Em nota de imprensa, a autarquia explica que “os dados remetem ao ano de 2020 e, segundo este estudo, os habitantes de Vila de Rei pagaram em média um total de 112,20€ anuais pela prestação destes três serviços. Este valor divide-se por 83,88€ anuais no serviço de abastecimento de água, 12,02€ para saneamento e águas residuais e 16€ para a gestão de resíduos sólidos urbanos”.

Já no ranking contrário encontra-se o concelho de Trofa “com um aumento de mais de 400€ anuais em comparação com Vila de Rei, para um total de 527,5€”.

- Publicidade -

O município ressalva que “nos últimos dados conhecidos, relativos a 2019, o concelho de Vila de Rei apresentava o valor de 100% de água segura na torneira do consumidor, após análise de perto de três centenas de parâmetros à qualidade de água sobre amostras colhidas em diferentes pontos da rede de distribuição”.

O presidente da Câmara, Ricardo Aires, mostra-se agradado com a posição alcançada neste estudo, dizendo que “estes valores resultam de uma opção estratégica do município de Vila de Rei, fornecendo serviços essenciais a um preço reduzido”. Desta forma, salienta o autarca, “o município está a abdicar de receitas potenciais que ficam assim no bolso dos vilarregenses, dando um maior poder financeiro aos habitantes” deste concelho.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres: o conhecimento e o saber, a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

1 COMENTÁRIO

  1. Enquanto isto se passa em Vila de Rei, no meu concelho Sardoal é ao contrário, invocando-se argumentos da treta, tais como investimentos durante várias decadas, de 38,5 milhões de euros pelos seis munícipios, que criaram a famigerada empresa Tejo Ambiente, entre outros. Foram criadas condições para eles (AUTARCAS) justificarem aumentos brutais, (só eu, paguei 217.09 € referente ao período entre 24 de julho de 2020 e 17 de agosto de 2020).CADA MUNICIPE MERECE AQUILO QUE TEM, ou seja cada um é governado por quem escolheu ser governado, o pior, é todos terem que se submeter à vontade de tão poucos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).