Vila de Rei | Câmara Municipal integra Secção de Municípios Olivícolas da AMPV

Foto: D.R.

O Município de Vila de Rei integrou a secção de Municípios Olivícolas da Associação de Municípios Portugueses do Vinho, como forma de dar continuidade à aposta da promoção do azeite produzido em território vilarregense. Recorde-se que a autarquia lançou no final de 2018 o “D’El Rey”, que além de marca de azeite é imagem de marca da valorização da produção local.

PUB

PUB

O azeite feito a partir de 90% de azeitona galega, “a predominante do concelho e da região”, surge em garrafas de 500 ml e 250 ml de vidro e com rotulagem criativa. “D’El Rey” nasceu como marca de azeite municipal que quer afirmar-se junto de outros, produzidos na região da Beira Baixa. O aparecimento da marca de azeite municipal surge como aposta contínua nesta área, lembrando o autarca o investimento feito em 2014 para erguer o Lagar municipal.

Assim, e após aprovação pela Assembleia Municipal na sessão ordinária de 27 de fevereiro, a Câmara de Vila de Rei passou a integrar a Associação de Municípios Portugueses do Vinho, na secção de Municípios Olivícolas, como forma de dar continuidade na aposta da promoção do azeite produzido e embalado em território vilarregense.

PUB
O aparecimento da marca de azeite municipal (no final de 2018) surgiu como aposta contínua nesta área, após o investimento feito em 2014 para erguer o Lagar municipal. Foto: mediotejo.net

Segundo a autarquia, esta secção de Municípios Olivícolas “pretende congregar os interesses das áreas ligadas à produção de vinho e azeite, nas suas vertentes económica, turística, promocional e gastronómica”, sendo por isso a integração neste projeto vista como “forma de valorização do azeite enquanto produto endógeno que contribui para o desenvolvimento dos territórios e da economia rural”.

Com a integração nesta Associação, o Município de Vila de Rei crê garantir um conjunto de apoios, especificamente “na valorização dos seus recursos naturais, procura de financiamentos para projetos nacionais e transnacionais de âmbito comunitário, incentivo do desenvolvimento económico mediante uma oferta turística integrada, proteção, valorização, e promoção do território do território, das atividades agroalimentares, das produções da economia eco compatível para assegurar a permanência dos agricultores no território, entre outros”, pode ler-se em nota de imprensa da autarquia.

Ricardo Aires, presidente da CM Vila de Rei, entende que este novo projeto poderá estimular e incentivar os produtores para novas produções e investimentos, nomeadamente na área dos vinhos, que possam contribuir para a dinamização da economia local e desenvolvimento turístico do concelho e da região. “Depois da aposta na construção do Lagar de Azeite e na criação de uma marca de azeite, a entrada nesta associação poderá alavancar o potencial e a qualidade do azeite de Vila de Rei e, simultaneamente, potenciar o crescimento dos nossos atuais produtores de vinho que podem encarar estas atividades como opções para o desenvolvimento da nossa região”, afirma.

A Secção dos Municípios Olivícolas, criada em fevereiro de 2019 com o Município de Moura a encabeçar o processo, junta-se a secções já dinamizadas pela AMPV: Secção dos Museus Portugueses do Vinho, Secção Rotas de Vinho – Enoturismo e Secção de Gastronomia e Produtos Regionais.

A secção da ANMPV tinha previstas ações em feiras, eventos e reuniões nacionais e internacionais, nomeadamente na Feira Nacional da Agricultura em Santarém, que se realizaria de 8 a 16 de junho, não tivesse sido cancelada por força das restrições impostas pela pandemia de covid-19 que se vive no país.

PUB
APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser), através do IBAN PT50001800034049703402024 (conta da Médio Tejo Edições) ou usar o MB Way, com o telefone 962 393 324.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here