Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Setembro 27, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Vila de Rei | Autarquia continua a comparticipar cirurgias às cataratas

Com o objetivo de apoiar a população envelhecida do concelho, a Câmara Municipal de Vila de Rei vai continuar a apoiar financeiramente os habitantes que necessitem de fazer operações às cataratas. O assunto foi aprovado por unanimidade na reunião de Câmara pública de sexta-feira, dia 19 de julho.

- Publicidade -

- Publicidade -

Ricardo Aires referiu que se pretende com esta medida continuar a “combater a demora em lista de espera do Sistema Nacional de Saúde no âmbito dos cuidados cirúrgicos, apoiando as pessoas mais idosa no acesso a este tipo de cuidados”.

Nesse sentido as cirurgias serão realizadas na Clínica Oftalmológica da Beira Interior, em Castelo Branco, renovando-se o protocolo já estabelecido, sendo o montante de cada cirurgia, por olho, de 1000 euros.

- Publicidade -

Já o apoio a comparticipar será de acordo com diferentes escalões de rendimento, sendo que para munícipes cujo rendimento mensal do agregado familiar seja inferior ou igual a 200,00 € per capita, será aplicado um apoio de 75% do valor da intervenção cirúrgica.

Para munícipes em que o rendimento mensal do agregado familiar seja superior a 200,00 € e inferior ou igual a 300,00 € per capita, o apoio será de 50% do valor da intervenção cirúrgica.

Se o rendimento mensal do agregado familiar for superior a 300,00€ e inferior ou igual a 500,00 € per capita, terão apoio de 25% do valor da intervenção cirúrgica.

A Câmara Municipal assumirá o apoio logístico e transporte aos munícipes que necessitem e queiram efetuar as cirurgias na clínica estipulada, quando os mesmos apresentem rendimentos mensais do agregado familiar superiores a 500,00 € per capita.

Para mais informações sobre este benefício social consultar www.cm-viladerei.pt ou contactar o Gabinete de Ação Social do Município.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres, onde não falta a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Viciada no verbo Ir, nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... também por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome