- Publicidade -

Torres Novas | USF Cardilium vai suprir necessidades de médico de família

A Câmara de Torres Novas assinou esta sexta-feira, 13 de abril, um protocolo com a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARS LVT) para a cedência gratuita de parte do edifício do Mercado Municipal por forma a albergar a futura Unidade de Saúde Familiar (USF) Cardilium. A previsão é que este novo centro de saúde venha a possuir oito médicos e dar assistência a 13 mil pessoas. O concelho ficará assim completo ao nível dos cuidados médicos primários.

- Publicidade -

Segundo adianta nota de imprensa, o acordo estabelece que a Câmara Municipal de Torres Novas cede, a título gratuito, parte do edifício do Mercado Municipal à ARS LVT, destinando-se esse espaço à instalação da USF Cardilium. Tal deve ocorrer após as obras de adaptação (a cargo do município) e equipamento da unidade (a cargo da ARSLVT).

A USF Cardilium vai abranger cerca de 13 mil pessoas das freguesias de Assentis, Brogueira, Chancelaria, Pedrógão, União das Freguesias de São Pedro, Lapas e Ribeira e União das Freguesias de Santa Maria, Salvador e Santiago.

- Publicidade -

À comunicação social, após a assinatura do protocolo, o presidente da Câmara de Torres Novas, Pedro Ferreira, adiantou que as obras a cargo do município deverão situar-se na ordem dos 300 mil euros. Tendo em conta todo o processo burocrático, com lançamento de concurso público, a USF só deverá estar a funcionar no próximo ano, constatou. Até lá, há a possibilidade da USF começar a funcionar, a título provisório, no Convento do Carmo.

Questionado pelo mediotejo.net, o presidente da ARS LVT, Luís Pisco, adiantou que a previsão é que esta USF venha a possuir oito médicos, oito enfermeiros e seis administrativos. Para já, há uma garantia de quatro médicos que vão assegurar o funcionamento da estrutura, aguardando-se a posterior disponibilização de profissionais.

Atualmente, referiu Pedro Ferreira no seu discurso, existem mais de 2 mil pessoas sem médico de família no concelho de Torres Novas. Com esta nova USF as necessidades ficarão supridas, garantiu. “Fica toda a gente com médico de família”.

O protocolo entre a Câmara de Torres Novas e a ARS LVT foi assinado na Feira Social, a decorrer no Palácio dos Desportos.

O Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Médio Tejo, ao qual pertence Torres Novas, possui atualmente em funcionamento nove USF, 10 Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP) e sete Unidades de Cuidados na Comunidade (UCC). Tem também uma Unidade de Saúde Pública (USP) e uma Unidade de Recursos Assistenciais Partilhados (URAP).

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -