Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quarta-feira, Dezembro 1, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Torres Novas | Rastreios à população e workshops na Feira Social

O Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) vai estar presente na III Feira Social de Torres Novas promovendo rastreios à população e diversos workshops num evento que vai decorrer nos dias 27, 28 e 29 de setembro, na Praça 5 de Outubro, e que é uma mostra de projetos dos parceiros da rede social local.

- Publicidade -

A exemplo do que aconteceu nas duas edições anteriores, o CHMT vai proporcionar rastreios aos cidadãos durante os dias da Feira Social e este ano vai também dinamizar três sessões destinadas a públicos específicos.

Na sexta-feira, dia 27, às 16:00, fará um Workshop destinado aos mais idosos, com o tema “Quedas? Não caia nessa!”, uma sessão que pretende alertar e ensinar a prevenir quedas na terceira idade.

- Publicidade -

No sábado, dia 28, às 11:30, promoverá a ação de sensibilização: “Cuidar para Nascer”, que visa dar a conhecer a Maternidade do CHMT e as diferentes dinâmicas deste Serviço.

No dia 28 de setembro, domingo, às 11:00, será realizada a sessão “Re (animar). Tu és capaz!”, destinada a um público mais jovem, que incidirá sobre ensinamentos de Suporte Básico de Vida.

A feira social de Torres Novas vai estar em funcionamento no dia 27 (sexta-feira), das 10:00 às 23:30, no dia 28 (sábado), entre as 10:00 e as 23:30, e no dia 29 (domingo), entre as 10:00 e as 19:00, com exposições permanentes das Instituições Sociais, rastreios, insuflável, pinturas faciais, ofi­cinas da leitura e artes plásticas.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome