Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Trincanela

Quinta-feira, Julho 29, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Trincanela

Torres Novas | PSP apreende armas em busca domiciliária, uma mulher é arguida

No cumprimento de mandados de busca e apreensão, no âmbito de um processo relacionado com vários furtos ocorridos em interior de residências, elementos da Investigação Criminal da Esquadra da PSP de Torres Novas efetuaram a apreensão de uma grande quantidade de material supostamente furtado, nomeadamente armas. Uma mulher foi constituída arguida.

- Publicidade -

Na residência visada pelos mandados de busca e apreensão foi intercetada uma mulher de 56 anos, que foi constituída arguida e sujeita a termo de identidade e residência. Há mais um suspeito, um homem, que oportunamente irá ser constituído arguido e que se encontra devidamente identificado, refere a PSP, em comunicado.

Uma arma de ar comprimido com carregador, 40 cartuchos 12mm( bagos de chumbo), 5 cartuchos 12mm (bala), várias munições de calibre de guerra (9mm; 7,62mm e .22mm), diversas armas brancas, equipamento de cozinha, variadas peças de decoração, diversos berbequins, rebarbadoras e estojos de ferramentas, várias peças de colecionismo, rádios, máquinas fotográficas e de filmar (antiguidades), equipamento médico, instrumentos musicais, equipamento eletrónico, ferramentas, utensílios e diverso calçado

- Publicidade -

“As apreensões surgem na sequência de um processo de investigação a decorrer na PSP de Tomar, relativo a crime de furto qualificado, tendo sido efetuadas 04 buscas domiciliárias”, entre elas a de Torres Novas acrescenta a PSP.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome