- Publicidade -

Torres Novas | Parque Natural de Serra de Aire e Candeeiros quer selo ‘Geoparque’ da UNESCO

O presidente da Câmara de Torres Novas, Pedro Ferreira (PS), informou o executivo torrejano que houve uma reunião convocada pela ADSAICA – Associação de Desenvolvimento das Serras de Aire e Candeeiros para discutir a transformação do Parque Natural da Serra de Aire e Candeeiros (PNSAC) num “Geopark” da UNESCO. A “reunião zero”, como foi designada, teve o contributo de outras entidades e deverá repetir-se nos próximos dias.

- Publicidade -

Os “geoparks” globais da UNESCO, segundo a definição oficial da UNESCO, são áreas geográficas consideradas únicas e unificadas, onde locais e paisagens de importância geológica internacional são geridos mediante um conceito holístico de proteção, educação e desenvolvimento sustentável. A abordagem procura combinar a conservação com o desenvolvimento sustentável, envolvendo deste modo as comunidades.

Existem atualmente 161 “geoparks” globais em 44 países.

- Publicidade -

Segundo Pedro Ferreira, a ADSAICA, uma associação de municípios e outras entidades que visa promover o território do PNSAC e o maciço calcário estremenho, reuniu recentemente para discutir a candidatura do parque a “geopark” da UNESCO. Segundo o presidente esta foi a “reunião zero” deste processo, a que se deve seguir uma outra, decorrendo também conversações com outros “geoparks” nacionais.

“Vamos lutar por isso”, frisou o presidente, ou seja, criar um “geopark” que abranja todo o território do Parque Natural da Serra de Aire e Candeeiros. “Acho que isto é de relevante importância em termos da preservação ambiental, em termos da dinâmica sócio-económica, em termos do turismo”, comentou, referindo que o conceito de “geopark” tem estado a resultar “muito bem” noutras zonas do país.

“Estamos a aprender com os que já estão criados”, notou.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -