TORRES NOVAS: “Os livros que ficaram” em exposição até 05 de janeiro

A Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes, em Torres Novas, tem patente, até 05 de janeiro de 2016, uma mostra alusiva aos livros infantis editados em Portugal nas décadas de 50, 60, 70 e 80 do século XX, com reproduções das ilustrações mais representativas desse período a acompanharem o percurso expositivo.

PUB

“Esta exposição traz a público um conjunto de exemplares de livros infantis que foram marco, nomeadamente no panorama literário português, assinalando o percurso profissional de escritores e de ilustradores da época”, informa uma nota da autarquia.

No átrio da Biblioteca Municipal estão expostas obras de referência de autores e ilustradores como Maria Cecília Correia, Sophia de Mello Breyner Andresen, José de Lemos, Matilde Rosa Araújo, Sidónio Muralha, Alice Gomes, Sarah Affonso, Ricardo Alberty, Bió, Tossan, entre outros, provindo alguns dos livros das antigas escolas primárias do concelho.

PUB
PUB
Mário Rui Fonseca
A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).