Torres Novas | Mensagem de Carlos Ramos a Fernando Santos inspirou vitória no Europeu (c/vídeo)

“Sede, pois, prudentes como as serpentes, mas simples como as pombas” (Mateus, 10) foi a mensagem deixada pelo atual vereador da Câmara de Torres Novas, Carlos Ramos, ao treinador da seleção nacional Fernando Santos, antes do jogo que ditou a vitória de Portugal no Europeu de Futebol de 2016.

PUB

O treinador, que já a ouvira na missa, tomou-a como presságio e levou-a para o treino. A história foi contada na sexta-feira, 13 de abril, pelo próprio Fernando Santos aquando da apresentação do livro de Carlos Ramos na Biblioteca Municipal.

Amigos de longa data, Carlos Ramos convidou Fernando Santos a estar presente em Torres Novas para a apresentação do seu livro e tese de doutoramento “A Família na Formação da Identidade na Adolescência”, uma edição Chiado Editora.

PUB

Narrando a amizade, Fernando Santos lembrou que Carlos Ramos foi a primeira visita que recebeu enquanto trabalhou na Grécia e que lhe enviara uma frase de motivação aquando da final do Europeu que acabou por utilizar na palestra aos jogadores.

“Prudentes como as serpentes, mas simples como as pombas” foi a mensagem, que conduziu o selecionador a pensar: “está aqui está a chave para a vitória”.

PUB

Fernando Santos encontrou o anfiteatro da Biblioteca Municipal completamente cheio, dissertando ainda um pouco sobre o papel da família na construção da identidade dos jovens, tema do livro. “A formação dos filhos tem muito a ver connosco”, constatou, refletindo sobre a sua experiência.

Fernando Santos na apresentação do livro do vereador Carlos Ramos, em Torres Novas

Publicado por mediotejo.net em Sexta-feira, 13 de Abril de 2018

“A prudência ensina-nos a encontrar o melhor método” para a simplicidade, referiu Carlos Ramos, recordando a história narrada por Fernando Santos. “Em todos os momento da nossa vida aparece uma situação nova” que é necessário enfrentar.

Carlos Ramos apresentou assim a sua tese de doutoramento em psicologia, que teve apresentação também da sua orientadora, a professora Fátima Simões. Segundo a docente, o estudo conclui que “uma boa relação com os pais explica uma elevada autoestima” e uma baixa tendência para a depressão.

Em contrapartida, referiu, também alerta que quando as expetativas dos pais são demasiado elevadas sobre os filhos, estes desenvolvem uma tendência para a depressão. “Quando o apoio dos pais está demasiado voltado para os resultados escolares tem o efeito inverso”.

PUB
Cláudia Gameiro
Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).