- Publicidade -

Sexta-feira, Janeiro 21, 2022
- Publicidade -

Torres Novas | Liga de Amigos do Hospital regulariza relação com CHMT

O Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) assinou na quarta-feira, 4 de outubro, um protocolo com a Liga de Amigos do Hospital de Torres Novas, homologado na ocasião pela presidente da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), Rosa Valente Matos. Segundo foi explicado pelos responsáveis, o documento uniformiza a relação com a Liga de Amigos, cedendo também a exploração do Bar no piso 0.

- Publicidade -

- Publicidade -

“Este protocolo vai permitir criar uma uniformização” e “balizar o relacionamento” entre o CHMT e as três Ligas de Amigos que prestam serviços de voluntariado nos Hospitais de Tomar, Torres Novas e Abrantes, esclareceu o presidente do conselho de administração do CHMT, Carlos Costa. “Torres Novas foi pioneiro”, recordou, salientando que com este documento “damos formalismo a uma longa relação de amizade”.

As batas amarelas são a identificação destes voluntários Foto: mediotejo.net

Em termos de novidades, o presidente da Liga dos Amigos do Hospital de Torres Novas, Vaz Teixeira, explicou que estes voluntários vão passar também a explorar o Bar do piso 0 do Hospital de Torres Novas.”Sempre nos disponibilizámos para colaborar com o Hospital”, lembrou, recordando o trabalho da Liga na recolha de fundos para o serviço de Pediatria. “Foi a Liga que fez com que o serviço de Pediatria tenha a dignidade que tem”. A estrutura está assim neste momento a procurar investimento para proceder à reabertura do Bar.

- Publicidade -

Rosa Valente Matos elogiou o trabalho dos voluntários “da batinha amarela”, definindo-o como um “alicerce do Sistema Nacional de Saúde. Este protocolo demonstra um pouco isso”. Lançaria assim a proposta para que as Ligas de Amigos se estendam também aos centros de saúde. “Deixo ente desafio”.

“São estes pequenos gestos que fazem a diferença na ida do utente”, terminou.

- Publicidade -

 

 

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome