Torres Novas | Japão busca em Portugal oportunidades de negócio

O Embaixador do Japãp esteve em Abrantes em 2018 e regressa ao Médio Tejo para apresentar em Torres Novas o Acordo de Parceria Económica UE-Japão. Foto: CM ABT

O embaixador do Japão em Portugal, Jun Niimi, vai estar em Torres Novas na terça-feira, 12 de fevereiro, para dar a conhecer às empresas da região as oportunidades de negócio japonesas. O seminário “O mercado do Japão – Oportunidades para as Empresas Portuguesas e o Acordo de Parceria Económica UE-Japão” decorre em Torres Novas, na sede da NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém.

PUB

Esta é uma iniciativa da NERSANT em colaboração com a Embaixada do Japão e com a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Japonesa. O seminário tem como objetivo dar a conhecer as oportunidades que existem no Japão para as empresas da região, bem como as oportunidades que o Acordo de Parceria Económica UE-Japão pode trazer para as mesmas, quer em termos de comércio, quer de investimento.

No acolhimento, pelas 17h00, vai estar presente a presidente da direção da NERSANT, Maria Salomé Rafael, o presidente da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Japonesa, Paulo Ramos, e o embaixador do Japão em Portugal, Jun Niimi. Os dois últimos apresentam logo de seguida o Acordo de Parceria Económica UE-Japão, com enfoque nas oportunidades para as empresas portuguesas.

PUB

“Entre as diversas premissas do acordo, este documento prevê a eliminação dos direitos aduaneiros aplicados a produtos de importância estratégica para Portugal, e onde se concentram as maiores oportunidades de negócios. No final, haverá espaço para a colocação de dúvidas e solicitação de esclarecimentos”, avança nota de imprensa da NERSANT.

 

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here