Torres Novas: Câmara aprova projeto de valorização das Grutas das Lapas

foto CM Torres Novas

O executivo municipal de Torres Novas aprovou terça-feira, dia 29 de março, por unanimidade, o projeto de valorização das Grutas das Lapas. Trata-se de uma obra de 60 500 euros que visa definir espaços interpretativos e requalificar acessos. O montante envolvido e o plano de valorização foram elogiados por toda a oposição em reunião camarária, que salientou porém que o projeto podia estar integrado na Área de Reabilitação Urbana (ARU) de Lapas.

PUB

As Grutas das Lapas foram classificadas em 1943 como património de interesse público, sendo importantes grutas artificiais escavadas em tufo calcário. “Estas grutas, abertas ao público, relacionam a atividade humana a um elemento geológico singular, o maciço de tufo calcário daquela localidade, associado, na sua génese, ao próprio Rio Almonda. É esta vertente que se visa valorizar, oferecendo uma visita mais informada, enriquecida e complementar à história, morfologia e desenho urbano da aldeia”, refere informação do município.

A valorização inclui o exterior, alterando-se o acesso para o jardim que antecede a entrada da gruta, por forma a tornar o espaço mais agradável e seguro. A entrada será mudada e alargada. Vai criar-se uma receção, com um centro interpretativo e expositores informativos (com rochas, fósseis e expositores interativos).

PUB

Pretende-se também criar um percurso interno nas Grutas, “ao longo do qual serão explicados/apresentados aos visitantes os principais conteúdos informativos e particularidades das grutas, de forma simples, concisa e acessível”. O projeto inclui, por último, percursos pela aldeia de Lapas, com pontos de interesse associados aos tufos calcários e às grutas.

“O valor estimado para a intervenção de abertura do centro interpretativo é de 60 500 euros acrescidos de IVA e conta com o apoio da Fábrica da Igreja de Lapas na cedência do espaço necessário em regime de comodato”, refere comunicado. “Mas o projeto de valorização é mais vasto, tem a colaboração institucional da Junta de Freguesia e inclui ainda outros trabalhos prospetivos já em curso, para conhecimento da verdadeira dimensão do complexo subterrâneo e preparação de conteúdos a disponibilizar aos visitantes”.

PUB

As vereadoras Helena Pinto (BE) e Ana Filipa Rodrigues (CDU) saudaram o projeto, mas lamentaram que estas iniciativas sejam feitas “avulso” e não enquadradas num projeto maior, como seria a da ARU das Lapas.

 

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here