Terça-feira, Março 2, 2021
- Publicidade -

Torres Novas | BE pede demissão de vereador por alegada vacinação indevida

Numa nota de imprensa enviada às redações, o Bloco de Esquerda (BE) de Torres Novas considera que não existem condições para o vereador Carlos Ramos (PS) continuar a exercer funções. Em causa está o facto de o autarca se ter vacinado contra a covid-19 no decorrer da primeira fase de vacinação.

- Publicidade -

O BE refere no texto que só na terça-feira, 9 de fevereiro, na sequência da reunião camarária em que foram dadas informações sobre o plano de vacinação municipal, é que ficou a saber que o vereador Carlos Ramos fora vacinado, “alegadamente numa situação de sobras de vacinas e na qualidade de vereador do pelouro da proteção civil”.

“Essa informação foi conhecida após a reunião referida, durante a qual quer o vereador quer o presidente da Câmara omitiram a situação, demonstrando que pretendiam ocultá-la e que reconhecem a sua ilegitimidade”, adianta.

- Publicidade -

“Perante os factos, o Bloco de Esquerda confrontou o presidente da Câmara com esta situação insustentável que só poderia resolver-se com a demissão imediata do vereador Carlos Ramos, cujo comportamento configura um desrespeito total pelos princípios políticos e morais que devem nortear a ação dos responsáveis políticos, para mais num quadro como o que vivemos em que nada deverá pôr em causa a confiança dos cidadãos e cidadãs na administração pública”, considera.

Até ao momento não houve qualquer posição da Câmara de Torres Novas sobre o assunto. Mas o “Bloco de Esquerda considera que o vereador Carlos Ramos não tem condições políticas para continuar no cargo de vereador do município de Torres Novas, e que deve colocar o seu lugar à disposição.

Aquele partido atribui ainda ao presidente da Câmara a gravosa responsabilidade de encobrimento de toda esta situação, tendo omitido os factos que eram de seu conhecimento na reunião de câmara pública, de 9 de Fevereiro”, conclui.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).