Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quarta-feira, Dezembro 1, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Torres Novas | BE desafia Câmara Municipal a hastear bandeira LGBTI

A vereadora Helena Pinto (BE) tornou a apelar este ano à Câmara Municipal de Torres Novas que hasteie este domingo, 17 de maio, a bandeira arco-íris, símbolo do orgulho LGBTI (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais e Intersexuais). Esta já não é a primeira vez que o Bloco de Esquerda (BE) de Torres Novas faz este apelo, tendo o tema gerado controvérsia em 2019.

- Publicidade -

Em carta aberta ao presidente da Câmara, Helena Pinto refere que “por força das restrições impostas pela pandemia COVID 19, as marchas pela defesa dos direitos da comunidade LGBTI+ foram desmarcadas, incluindo a 1.ª Marcha LGBTI+ no distrito de Santarém, que vinha a ser preparada há vários meses”.

“As razões que levam tradicionalmente milhares de pessoas à rua em defesa dos direitos LGBTI+ e pelo combate a todas as formas de discriminação e violência não conhecem quarentena, mantendo a sua atualidade e pertinência”, continua.

- Publicidade -

A 17 de Maio comemora-se o “Dia Mundial de Luta contra a Homofobia e Transfobia”, data em que, no ano de 1992, a Organização Mundial de Saúde (OMS) retirou a homossexualidade da lista de doenças mentais. “As iniciativas das instituições revestem-se de grande importância e ainda mais no quadro pandémico em que vivemos”, explica.

Em 2019 este tema foi debatido pela Assembleia Municipal e embora não tenha havido consenso sobre o hastear da bandeira, os deputados manifestaram a sua concordância com os princípios. “Vimos por esta via propor e apelar ao Senhor Presidente, que dentro das suas competências, junte o Município de Torres Novas a todos os outros que içarão a bandeira arco-íris nos Paços do Concelho, no próximo dia 17 de Maio, contribuindo para a defesa dos Direitos Humanos”, conclui.

Cláudia Gameiro, 32 anos, há nove a tentar entender o mundo com o olhar de jornalista. Navegando entre dois distritos, sempre com Fátima no horizonte, à descoberta de novos lugares. Não lhe peçam que fale, desenrasca-se melhor na escrita

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome