Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
- Publicidade -

Segunda-feira, Novembro 29, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
- Publicidade -

Tomar | PSD questionou custos e proveitos da organização “Gala das 7 Maravilhas à Mesa”

Na reunião de Câmara pública, realizada a 4 de setembro, a vereadora Célia Bonet (PSD) apresentou algumas questões sobre custos diretos e indiretos em relação à “Gala 7 Maravilhas à Mesa”, que foi emitida a partir da cidade templária a 26 de agosto.

- Publicidade -

Apesar de se congratular com o êxito da passagem de Tomar à final das 7 Maravilhas à Mesa, a vereadora social-democrata questionou quais as diferenças de custos que existiria se a câmara apenas apresentasse a composição da sua mesa ao invés de assegurar a emissão da gala.

Anabela Freitas explicou que o caderno de encargos desta participação foi de 85 mil euros, frisando no entanto que o evento não é encarado como um custo mas sim como um investimento, sendo que a hotelaria e a restauração estiveram lotadas nestes dias. Além dos 85 mil euros do caderno de encargos, ainda falta apurar algumas verbas gastas com o catering e alguns alojamentos, sendo que as contas serão apresentadas em reunião de câmara.

- Publicidade -

O vereador Hugo Cristóvão acrescentou ainda que há benefícios laterais com estra gala como, por exemplo, o facto da apresentadora Catarina Furtado ter estado em Tomar com a família a passar férias e promover isso nas redes sociais.

Célia Bonet esclareceu que o que pretendia saber é se foi um bom ou um mau investimento para Tomar, sendo que só depois de se fazerem as contas aos custos e benefícios é que se saberá se o mesmo foi vantajoso ou não.

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome