Quarta-feira, Março 3, 2021
- Publicidade -

Tomar | Presidente irrita-se com publicação de vereadora do PSD nas redes sociais

Estalou o verniz na reunião de câmara de Tomar desta segunda-feira, 27 de fevereiro, ocasião em que a presidente da autarquia, Anabela Freitas elevou o tom de voz para dar conta do seu desagrado ao saber que a vereadora do PSD, Beatriz Schulz, escreveu na sua página do facebook que esta “é mentirosa” no caso da multa a que foi condenada na sequência de um processo interposto por um munícipe no Tribunal Administrativo de Leiria.

- Publicidade -

A autarca foi mais longe e chegou mesmo a dizer que estava disposta a ir para Tribunal caso a vereadora voltasse a repetir afirmações deste género. “Uma coisa é o cidadão lá fora dizer o que quer e lhe apetece. Outra coisa é uma senhora vereadora, que recebeu os documentos todos e tem mais do que obrigação saber que uma sanção compulsória é paga ao Tribunal e a senhora anda a acusar-me publicamente, nas redes sociais, que eu sou mentirosa. A próxima vez que a senhora fizer isso pode crer que lhe levanto um processo”, disse, visivelmente irritada.

Anabela Freitas ameaçou levar a vereadora a tribunal Foto: mediotejo.net

- Publicidade -

Anabela Freitas respondeu na sequência de uma intervenção da vereadora do PSD que a questionou as promessas elencadas do programa eleitoral do PS que ficaram no papel. “A senhora tem um talão da minha conta pessoal a demonstrar que eu paguei ao tribunal e a senhora anda a dizer que eu menti?”, retorquiu, acrescentando que quem foi eleito tem que ter mais atenção ao que diz.

Beatriz Schulz optou por não responder a Anabela Freitas mas o seu colega de vereação, João Tenreiro interveio em sua defesa dizendo que “não sabia que já tínhamos voltado ao tempo do lápis azul”.  João Tenreiro referiu que “ainda bem” que vê Anabela Freitas preocupada com o que se escreve agora nas redes sociais porque, há algum tempo, também ele e o vereador António Jorge eram visados nas redes sociais pelo ex-chefe de gabinete. “Vamos entrar em eleições. Da nossa parte, esperamos que a campanha se faça pela positiva e não pela negativa”, disse.

Ânimos estiveram exaltados na reunião desta segunda-feira Foto: mediotejo.net

O vereador Hugo Cristóvão disse que a reunião de câmara “não é o local para discutir programas eleitorais” entendendo que João Tenreiro tenha que fazer a defesa de Beatriz Schulz e daquilo que vai dizendo nas redes sociais. “Não confundamos retórica política com a mentira e o insulto descarado que a mesma tem feito”, criticou, acrescentando que um vereador não pode comportar-se como qualquer cidadão. “A campanha já começou e estamos a assistir a coisas estranhas e o que me parece é que este caminho até outubro vai ser negro”, afirmou.

Pedro Marques dos Independentes por Tomar lamentou “o espetáculo” a que se assistiu nesta reunião, observando que a campanha eleitoral já se iniciou.

Partido Socialista repudia “veementemente” declarações de Beatriz Schulz

Entretanto, no fim de semana, a concelhia do Partido Socialista de Tomar emitiu um comunicado para manifestar “a Anabela Freitas, à câmara e a todos os funcionários municipais total solidariedade contra a sucessão de ataques caluniosos que têm vindo a ser alvo nas redes sociais por parte de protagonistas usais nestes comportamentos medíocres de quem julga ser capaz de ludibriar a população”.

“Porque não pode valer tudo, e defendemos a política enquanto atividade nobre, denunciaremos sempre a mentira, a calúnia, as tentativas de manipulação da opinião pública venham por parte de quem vierem, dentro de partidos ou fora, de qualquer outra instituição ou cidadão particular”, refere o documento.

“Nesse sentido, a bem da responsabilidade e da dignidade dos órgãos e das instituições, é preciso repudiar veementemente as atitudes da vereadora em substituição do PSD, na qual diga-se, não acreditamos que a generalidade dos simpatizantes desse partido se reveja, quando de forma reiterada partilha nas redes sociais difamações para as quais tem mais dados que o cidadão comum e a obrigação, se souber ler os documentos, de conhecer o conteúdo dos mesmos, o que significa que mente de forma objetiva”, prosseguem.

“Percebendo o rumo que as coisas levam, não podemos deixar de, como sempre, apelar à elevação e a dignidade da campanha que, como se demonstra já se iniciou, e de forma bem negativa. Queira-se sim discutir ideias, valores e projetos, a bem de Tomar, e sempre com respeito aos outros e à Verdade. No PS continuaremos, como sempre, a trabalhar por Tomar e pelos tomarenses”, concluem.

 

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).