Tomar | Município demarca-se das candidaturas às 7 Maravilhas da Cultura Popular

A Festa dos Tabuleiros é candidato a Património Imaterial da Humanidade da UNESCO, e é nessa candidatura que a autarquia se quer concentrar Foto: Joana Rita Santos/mediotejo.net

Tomar tem dois grandes eventos, a Festa dos Tabuleiros e o Círio de Nossa Sra. da Piedade, nomeados no concurso das 7 Maravilhas da Cultura Popular. Acontece que a presidente da Câmara Municipal, Anabela Freitas (PS) fez saber em reunião de executivo que não foi a autarquia que promoveu as candidaturas, tendo sido um processo iniciado por “um particular”. Posto isto, a autarca disse que “não vai haver apoio institucional nenhum” quanto à candidatura da Festa dos Tabuleiros, caso esta prossiga nas eliminatórias regionais do concurso, referindo que tal só poderia ter sido decidido em comissão, à semelhança do que acontece com a manifestação do povo para que a festa se realize.

PUB

O assunto foi levado a reunião de Câmara pela vereadora Célia Bonet (PSD) e a presidente do Município fez saber que a autarquia já contactou a organização das 7 Maravilhas. “Entendemos que a Festa está acima de qualquer programa destes, até porque a candidatura para Património Cultural Imaterial nacional está entregue e não queremos fazer nada que prejudique aquilo que é a candidatura e o caminho para Património Imaterial da Humanidade da UNESCO”, afirmou.

Para a edil, se a realização da festa se faz por vontade do povo, “não faz sentido” que “ainda que tenha sido com as melhores intenções”, um privado avançasse com a candidatura. “Não íamos decidir avançar com uma candidatura sem pelo menos fazer uma Comissão sobre esta questão.”

PUB

Anabela Freitas disse ainda que iria ser divulgado “um comunicado conjunto nos órgãos de comunicação social, elaborado pela Comissão Central da Festa dos Tabuleiros/Mordomo, pela Câmara e pela Santa Casa da Misericórdia”, atendendo que “é esta tríade que faz a festa”, com uma demarcação oficial desta candidatura.

Na quinta-feira, dia 28 de maio, a autarquia fez chegar à redação do mediotejo.net um esclarecimento, também publicado na página de Facebook institucional da CM Tomar, no qual as entidades afirmam não ter sido responsáveis nem ter cooperado na referida candidatura, desconhecendo quem o tenha feito.

PUB

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here