Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Quinta-feira, Maio 13, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar | Município atribui 75 mil euros em vouchers para refeições escolares (c/áudio)

Ao que tudo indica esta representa uma medida inédita tomada a nível nacional, em que o Município de Tomar desenhou um modelo de apoio à distribuição de refeições escolares durante o confinamento em situação de pandemia de covid-19. Foram atribuídos aos alunos carenciados e respetivas famílias, residentes nas 10 freguesias rurais, vouchers que variaram entre 50 e 25 euros conforme o escalão de subsídio, permitindo comprar produtos em escala nos minimercados, garantindo a alimentação das crianças e jovens, mas também apoiando o aglomerado bem como a economia local.

- Publicidade -

“Atendendo à grande operação logística, o município decidiu aplicar um sistema misto com início a 8 de fevereiro. Assim, na freguesia urbana manteve-se a entrega em take away e nas restantes freguesias os alunos receberam um vale para compras nos mini e supermercados aderentes dessas freguesias. Os vales tinham uma validade quinzenal, com o valor de 50 euros para o escalão A e 25 euros para o escalão B. Aderiram a esta iniciativa 25 mini e supermercados, distribuídos pelas 10 freguesias rurais”, recorda a autarquia em nota de imprensa.

ÁUDIO | Hugo Cristóvão, vereador da CM Tomar com o pelouro da Educação

- Publicidade -

Neste sistema, o município foi mais além, porque além de auxiliar os alunos subsidiados, apoiou também as famílias “que assim conseguiram ganhar numa confeção em escala das refeições”, além de “apoiar as pequenas empresas do espaço rural, numa despesa total estimada em 74.650,00 €”.

A suspensão das atividades letivas decretada em 22 de janeiro, levou o Município de Tomar, em articulação com os agrupamentos escolares e o apoio de algumas juntas de freguesia, exigiu que fosse feito fornecimento de refeições escolares em regime de take away aos alunos subsidiados (escalões A e B), bem como aos alunos que frequentaram as escolas de acolhimento durante este período. Durante três meses, desde o dia 27 de janeiro, cerca de 800 alunos foram apoiados.

Notícia relacionada:

Tomar | Alunos com computadores, internet e vales de compras para refeições no ensino à distância

 

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres: o conhecimento e o saber, a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

COMENTÁRIOS

Please enter your comment!
O seu nome