Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Quinta-feira, Setembro 16, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar | Morte de arquiteto José Inácio Rosa deixa Tomar mais pobre

O arquiteto tomarense José Inácio da Costa Rosa, de Tomar, 92 anos, morreu no sábado, dia 7 de dezembro, na sua casa da Corredoura. O arquiteto tomarense, agraciado em 2017 pelo município de Tomar com a medalha municipal de valor e altruísmo, é uma personalidade ímpar na comunidade, referência profissional e cívica para gerações de nabantinos.

- Publicidade -

Figura conhecida e respeitada em Tomar, formou-se em arquitetura em 1951 na Escola Superior de Belas Artes em Lisboa, foi professor de desenho, artes visuais e geometria descritiva na antiga Escola Industrial e Comercial de Tomar, atual Jácome Ratton, e é autor de inúmeros projetos de arquitetura de edifícios no centro histórico de Tomar e de desenhos de várias publicações sobre a história de Tomar.

O corpo vai estar em câmara ardente este domingo na casa mortuária de Tomar, onde estará até às 14:45 de segunda-feira. O funeral realiza-se amanhã, dia 9 de dezembro, com missa de corpo presente na igreja de Santa Maria do Olival pelas 15:00, celebrada pelo padre João Borga, seguindo para o cemitério velho da cidade.
O município de Tomar já emitiu um comunicado onde agradece a sua obra e o seu exemplo e endereça à família enlutada as mais sentidas condolências.

A experiência de trabalho nas rádios locais despertaram-no para a importância do exercício de um jornalismo de proximidade, qual espírito irrequieto que se apazigua ao dar voz às histórias das gentes, a dar conta dos seus receios e derrotas, mas também das suas alegrias e vitórias. A vida tem outro sentido a ver e a perguntar, a querer saber, ouvir e informar, levando o microfone até ao último habitante da aldeia que resiste.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome