- Publicidade -

Tomar | Lar do CIRE a funcionar em duas alas distintas devido a surto de covid-19

Um dos grandes surtos do concelho de Tomar foi detetado no lar residencial do CIRE – Centro de Integração e Reabilitação de Tomar após testagem a 16 de janeiro, tendo resultado em 51 casos positivos entre funcionários e utentes, de um universo de 132 testes. Em comunicado, a direção refere ter optado por ativar o seu plano de contingência, estando a ser acompanhada a situação pela Autoridade de saúde local.

- Publicidade -

Para já, o lar funciona com duas alas, uma para utentes com covid-19 e outra para os que não estão infetados.

Assim que o surto foi detetado, refere a direção ter procedido “à reorganização funcional do lar, criando um espaço específico para utentes e funcionários com covid”, adiantando que “todos os utentes e colaboradores com teste positivo encontram-se assintomáticos”.

- Publicidade -

Já da nova onda de testes, efetuados a 21 de janeiro aos restantes funcionários e utentes, foram detetados mais dois casos positivos entre um universo de 91 testes.

Segundo o mesmo comunicado, “o Lar continua a funcionar sem qualquer restrição com duas alas distintas, uma para utentes com covid e outra para utentes sem covid, de acordo com o plano de contingência. As restantes valências do CIRE estão a cumprir as novas regras decretadas pelo novo estado de emergência, podendo voltar à normalidade logo que seja autorizado”, refere-se.

A Autoridade de Saúde Pública está a acompanhar a evolução deste surto e “esteve nas instalações da instituição a avaliar a situação”.

“Estamos a realizar todos os esforços para que esta situação cause as menores consequências possíveis para todos os utentes e colaboradores. Agradecemos o apoio que temos recebido de toda a comunidade”, termina a direção da instituição.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres: o conhecimento e o saber, a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).