Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Segunda-feira, Outubro 18, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar | investimento de 1.8 ME eleva taxa de cobertura de saneamento de 58 para 70%

Os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento de Tomar (SMAS) organizaram uma visita técnica na sexta feira, dia 23 de novembro, às obras de saneamento que estão em curso no concelho. O investimento em curso ronda o 1,8 milhão de euros e vai permitir alcançar uma taxa de cobertura de saneamento na ordem dos 70%, sendo que a atual ronda os 58%.

- Publicidade -

Para além da presidente da câmara, Anabela Freitas (PS) e dos vereadores Hélder Henriques e Filipa Fernandes, participaram na visita engenheiros e técnicos dos SMAS, que foram explicando o procedimento das diferentes obras.

Foram visitadas as obras que estão a decorrer em Vila Nova, Charneca da Peralva, nas Cabeças e na Ponte da Vala, empreitadas que ascendem ao valor de um milhão e 800 mil euros.

- Publicidade -

Engenheiros e técnicos dos SMAS, que foram explicando o procedimento das diferentes obras Foto: D.R.

Estas obras de saneamento – que decorrem a par de outras em Alvito – Carrascal (1711 metros de conduta com 60 ramais); Rua das Mimosas (500 metros de coletor com 33 ramais) e Carvalhal – Serra e Vale da Lage (5330 metros de conduta com 80 ramais) – vão permitir alcançar uma taxa de cobertura de saneamento na ordem dos 70 por cento, sendo que a atual ronda os 58 por cento.

A obra em Vila Nova já está concluída e custou 184 mil euros, contemplando 150 ramais e  tendo sido construídos dois quilómetros de conduta. Todas as habitações estão servidas com a rede de saneamento, faltando apenas a Rua da Passagem, onde faltam fazer 20 ramais. Nesta obra foi ainda necessário construir uma estação elevatória. Dois terços do valor da obra foi para a reposição dos pisos, conforme salientou a presidente da câmara, Anabela Freitas.

Concelho de Tomar está a ser alvo de várias empreitadas de saneamento Foto: D.R.

Na obra da Charneca da Peralva, onde os coletores vão passar pelo quintal dos moradores, existe uma conduta da EPAL que segue até Fátima e Pombal. São 5250 metros, com 164 ramais, obra que tem um prazo de execução de seis meses, prevendo-se estar concluída em abril de 2019. O custo é de 326 mil euros. Foi ainda referido que as obras de saneamento já poderiam ter iniciado na Rua D. Isabel, em Peralva, no entanto, aguardam o visto do Tribunal de Contas.

Nas obras em Cabeças, as condutas em fibrocimento, com 50 e 60 anos estão a ser substituídas, assim como as condutas da água. A obra de saneamento tem um custo na ordem dos 916 mil euros, para além das obras através de administração direta, o que inclui a reposição de pavimentos (120 mil euros), totalizando um valor de um milhão e 200 mil euros.

No Casal Marmelo, nas Cabeças e desde Juncais de Baixo até à linha do comboio, todas as habitações ficam servidas. São cinco mil metros de coletor, com 454 ramais e com um prazo de execução de 270 dias.

Com estas obras a taxa de saneamento do concelho vai subir de 58 para 70 % Foto: D.R.

A última obra de saneamento a ser visitada foi a do troço principal da Ponte da Vala,  dentro da cidade, pretendendo-se fazer um alargamento de forma a servir o maior número de pessoas possível. Nesta obra serão instalados 780 metros de coletor, tendo sido necessário recorrer a um equipamento de perfuração horizontal. Com um prazo de execução de 60 dias, prevê-se que a intervenção esteja concluída em meados de dezembro.

A obra tem um custo de 143 mil euros e vai servir entre 20 a 30 alojamentos. O preço está 40 mil euros acima do que estava projetado porque a primeira empresa que venceu o concurso não assumiu a empreitada, tendo que se transitar para a segunda que tinha um preço mais elevado.

 

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome