- Publicidade -
Quarta-feira, Janeiro 19, 2022
- Publicidade -

Tomar | Hospital de Dia de Psiquiatria inaugura exposição de Natal

No Hospital de Dia de Psiquiatria do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) estão, atualmente, 17 utentes, entre as 9h00 e as 17h00. Durante o tempo que passam no Hospital participam em oficinas e atelier’s variados. Quando se aproxima a época natalícia os trabalhos são alusivos à festividade do Natal e é o resultado desse trabalho que está em Exposição: presépios, agendas, bolsas variadas, velas decorativas entre muitos outros objetos.

- Publicidade -

- Publicidade -

A orientação e supervisão da exposição está a cargo a técnica superiora de educação social, Elisa Marques, e do Enfermeiro Responsável pelo Hospital de Dia de Psiquiatria, Cesaltino Fontes. Mas os responsáveis pela exposição são os utentes do Hospital de Dia de Psiquiatria.

“Toda a Exposição de Natal é organizada pelos utentes do Hospital de Dia de Psiquiatria, com trabalhos que realizaram nas últimas três semanas. O objetivo é mostrarem aquilo que fazem em termos de oficinas, trabalhos manuais. São estimulados a trabalharem diferentes materiais e muito do trabalho é feito em equipa, em conjunto”, refere Cesaltino Fontes, enfermeiro responsável pelo Hospital de Dia de Psiquiatria.

- Publicidade -

Esta estimulação pelas artes já revelou alguns dotes desconhecidos: “às vezes somos surpreendidos com habilidades que os próprios utentes desconheciam. Muitas vezes ao terminarem um trabalho dizem: “eu não sabia que conseguia fazer isto”. São descobertas, também, muito positivas” refere Elisa Marques, técnica superiora de Educação Social.

As peças podem ser adquiridas, estando também esta gestão a cargo dos utentes do Hospital de Dia de Psiquiatria, como uma forma de incentivar os utentes à socialização. São eles que estão na sala de exposição, que organizam as peças e contactam com as pessoas.

- Publicidade -

“A atividade não tem fins lucrativos, sendo que as vendas realizadas reverterão para a compra de novos materiais. Esta é uma forma também de reconhecimento e estimulo”, sublinha Cesaltino Fontes.

A exposição está patente na primeira sala da entrada principal da Unidade Hospitalar de Tomar.

Jornalista profissional há mais de 30 anos, passou por vários jornais diários nacionais, nomeadamente pelo 'Diário de Lisboa', 'Diário de Notícias' e 'A Capital'. Apaixonada pela profissão desde a adolescência, abraçou o jornalismo nas suas diversas áreas, desde o Desporto às Artes e Espetáculos, passando pela Política e pelos temas Internacionais. O jornalismo de proximidade surge agora no seu percurso.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome