Tomar | GNR não abre inquérito no caso dos jovens que caíram de um telhado na Zona Industrial

A GNR de Tomar não abriu inquérito no caso dos jovens que caíram ao início da noite deste domingo, 12 de agosto, de um telhado de uma empresa de pneus localizada na Zona Industrial de Tomar.  As primeiras indicações, por parte de fontes que estavam no local, davam conta de uma tentativa de assalto mas as autoridades não recolheram indícios nesse sentido. De acordo com o apurado, o proprietário da empresa apenas quer ser ressarcido pelos danos materiais sofridos, não tendo apresentado queixa-crime.

PUB

Os jovens, de 17 e 18 anos,  terão saído de casa de bicicleta para dar um passeio quando terão subido para cima do telhado, supostamente para praticarem um tipo de atividade radical denominada como ‘parkour’. Ao passarem por uma parte do telhado, o mesmo terá cedido ao seu peso. Caíram inanimados e após um ter recuperado a consciência, movimentou-se e fez disparar o alarme. Ambos permanecem hospitalizados em estado muito grave com o seu estado de saúde ainda a inspirar muitos cuidados.

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here