Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Sexta-feira, Julho 30, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar | Festival de Estátuas Vivas surpreende visitantes (c/fotos e vídeo)

As ruas do centro histórico de Tomar encheram-se de pessoas na noite desta sexta-feira, 15 de setembro, ocasião em que teve início o V Festival de Estátuas Vivas. Com o tema “Lendas e Tradições” o evento, que regressa após um interregno de três anos, apresentou no primeiro dia 12 quadros vivos mas de tema livre, com o público a interagir com 16 artistas de várias nacionalidades.

- Publicidade -

Por exemplo, na Rua Serpa Pinto (Corredoura), a figura de Vasco Santana captava a atenção de quem passava, não faltando um rádio de onde saiam frases ouvidas no célebre “Pátio das Cantigas”. Ainda na Corredoura, encontramos a estátua de Napoleão, que deu nas vistas pela sua originalidade e a dar as boas-vindas à entrada desta artéria, António Santos, conhecido Staticman, acompanhado de uma guitarra eléctrica.

Tomar / Festival Estátuas Vivas – Napoleão

Publicado por mediotejo.net em Sexta-feira, 15 de Setembro de 2017

- Publicidade -

Nas ruas apinhavam-se famílias inteiras para observar, tirar fotos, filmar e até interagir com as estátuas que se movem sempre que ouvem o tilintar das moedas a cair, o contributo que recebem pela sua exibição. As gargalhadas são frequentes, coroando o ambiente de boa disposição, não obstante esta ser uma noite outonal ao nível de temperaturas.

Junto à estátua representativa de um “Cabaret”, na Praça da República, encontramos elementos da organização do evento que resulta de uma parceria entre o município e o Agrupamento de Escolas Nuno de Santa Maria. Anabela Freitas, presidente da autarquia, disse ao mediotejo.net que conta que este evento venha a atrair milhares de pessoas a Tomar, sublinhando a qualidade dos artistas presentes.

Tomar / Festival de Estátuas Vivas – Vasco Santana

Publicado por mediotejo.net em Sexta-feira, 15 de Setembro de 2017

Maria Celeste Sousa, diretora do Agrupamento Nuno de Santa Maria, considera que “é um grande privilégio” organizar um evento deste cariz, articulando os saberes académicos e possibilitando aos alunos a participação no mesmo. Eduardo Mendes, professor do agrupamento, sublinha que, neste sábado e domingo, o público pode encontrar, subordinados à temática das “Lendas e Tradições de Portugal”, 14 quadros com 26 artistas.

“Vamos ter alguma recriação histórica, nomeadamente no campo da cultura islâmica. Queremos salientar o convívio pacífico entre a cultura islâmica e cristã. E, no domingo, na Praça da República, entre as 19h e as 20h, vamos ter um segundo palco com um espectáculo de improviso, uma oportunidade das pessoas se divertirem enquanto aguardam os resultados do festival”, disse.

Tomar / Abertura do Festival das Estátuas Vivas/ organização fala sobre o evento

Publicado por mediotejo.net em Sexta-feira, 15 de Setembro de 2017

Surpreendentes eram também as estátuas que se encontravam no Mouchão Parque, a começar pelas horrendas personagens “Isolda e Gárgula” caracterizados de forma a assustar quem se atrevia a contribuir com uma moeda. Assim que mostrava a sua generosidade, o público era brindado com um susto dado que a estátua ganhava vida e irrompia aos grunhidos pelo meio da assistência.

Mais romântico, ali ao lado, estava John Lennon que entoava baladas dos Beatles para quem passava ou a personagem romântica da “Músic Box”. Todos estes artistas podem ser apreciados, em outros quadros, até este domingo, 17 de setembro, ocasião em que os vencedores do Festival irão ser anunciados numa cerimónia que decorre pelas 20h na Praça da República. As estátuas vivas mais votadas pelo público recebem prémios que vão desde os 250 aos 1000 euros.

Tomar/ Festival de Estátuas Vivas – Isolda e a Gargula no Mouchao Parque

Publicado por mediotejo.net em Sexta-feira, 15 de Setembro de 2017

PROGRAMA:

Sábado 16, 17h00 às 19h00 e 22h00 às 24h00
Domingo 17, 17h00 às 19h00 (anúncio de resultados dos concursos de estátuas às 20h)
Lendas e Tradições de Portugal

1. Lenda de Santa Iria (Convento de Santa Iria)
2. A bruxa lavadeira (Zona Desportiva)
3. Lenda da Moura Salúquia (Mouchão Parque)
4. Lenda das amendoeiras em flor (Mouchão Parque)
5. A Moura Encantada (Mouchão Parque)
6. Lenda do túnel dos Templários (Mouchão Parque)
7. Lenda de Nossa Senhora da Nazaré (Mouchão Parque)
8. Lenda do beija-mão real (R. Serpa Pinto/Corredoura)
9. Lenda de S. Martinho (R. Serpa Pinto/Corredoura)
10. Lenda da Sopa da Pedra (R. Serpa Pinto/Corredoura)
11. O Papão (R. Serpa Pinto/Corredoura)
12. A Degolação de S. João Baptista (R. Serpa Pinto/Corredoura)
13. O «Vinho dos Mortos» (Praça da República)
14. Lenda do Galo de Barcelos (Praça da República)

Espetáculos:

Dança Oriental (Tribo Ta-Meri)
sábado às 17h00, 18h00, 22h00, 23h00 / domingo às 17h00 e 18h00 (Mouchão Parque)

Falcoaria (Diana Falco)
sábado às 17h15, 18h15, 22h15, 23h15 / domingo às 17h15 e 18h15 (Mouchão Parque)

Esgrima Histórica (Thomar Honoris)
sábado às 17h40, 18h40, 22h40 e 23h40 / domingo às 17h40 e 18h40 (Mouchão Parque)

Teatro-Circo de improviso (Saltimbanco da Charneca)
sábado às 17h30 e 22h30 / domingo às 17h15 19h00 (Praça da República)

www.estatuasvivas.com

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome