- Publicidade -

Tomar | Estacionamento da Praça da República com novo tarifário a partir de março

O tarifário do Parque de Estacionamento da Praça da República (P1) vai sofrer atualizações, que entram em vigor a partir do dia 1 de março. Segundo a autarquia esta atualização “tem como objetivo garantir a rotação de estacionamento neste parque tendo em conta o substancial aumento da procura que se tem verificado”, por forma a “garantir lugares para quem precise de utilizar por tempo reduzido o comércio ou serviços do centro histórico, nomeadamente o balcão único municipal”.

- Publicidade -

Segundo informação da CM Tomar, “a primeira meia hora vai continuar a ser gratuita, incidindo os aumentos nos períodos mais alargados”. Já no P2 – Parque de Estacionamento do Estádio Municipal, o tarifário vai manter-se, pois tem “uma oferta de lugares superior e está mais direcionado para o estacionamento de longa duração”.

Assim, o tarifário a praticar no parque da Praça da República (nas traseiras da Câmara Municipal), a partir de 1 de março, indica que o estacionamento por 45 minutos custará 20 cêntimos e por uma hora 40 cêntimos. A partir da segunda hora, terá o custo de 1 euro por hora. O bilhete diário (24 horas) será de 6 euros e o noturno (das 19 às 10 horas) de 3 euros.

- Publicidade -

A avença 24 horas (para todos os dias do ano) custará 70 euros para ligeiros e 35 para motociclos; a diurna (todos os dias das 8 às 20 horas) 60 euros para ligeiros e 30 para motociclos; e a noturna (de segunda a quinta-feira das 18 às 9 horas e das 18 horas de sexta-feira às 9 horas de segunda-feira) 30 euros para ligeiros e 15 para motociclos. Quanto à avença de residentes (24 horas por dia), terá um custo de 45 euros para ligeiros e 22,50 para motociclos.

Tal vem na sequência de deliberação da Câmara Municipal em reunião do dia 17 de fevereiro.

Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres: o conhecimento e o saber, a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
O seu nome

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).

- Publicidade -