Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Terça-feira, Julho 27, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar | Daniel Santos é o novo líder da Juventude Popular

Daniel Santos, 25 anos, finalista do curso de Economia na Universidade de Coimbra, é o novo presidente da Comissão Política da Juventude Popular de Tomar. As eleições realizaram-se no sábado, 3 de dezembro, no Politécnico de Tomar.  O presidente recém-eleito disse ao mediotejo.net que já não é novo nestas andanças.

- Publicidade -

img_0704
Daniel Santos (2.º à direita) com outros elementos da lista eleita Foto: mediotejo.net

“A Juventude Popular tem sido a que mais propostas apresentou, tais como o Conselho Municipal da Juventude. Apesar de não estarmos representados na assembleia municipal, não queríamos deixar de dizer que estamos aqui a trabalhar por Tomar”, disse, acrescentando que nos próximos tempos se vão concentrar nas eleições autárquicas.

- Publicidade -

“Vamos ver até que ponto é que vamos participar. Temos que nos sentar, conversar com o CDS e perceber as coisas. Todos os cenários são possíveis uma vez que somos uma organização autónoma”, disse.

A restante lista é composta por Alexandre Oliveira (vice-presidente), Francisco Campos (vice-presidente), Renata Serra (vice-presidente), João Martins (Secretário Geral) e os vogais Daniel Barreira, Sofia Duarte, Pedro Antunes, Mariana Marques, Francisca Tavares, João Barreira. A mesa do plenário concelhio é composta por Manuel Vieira (presidente), Inês Poupado (vice-presidente) e Márcia Lázaro (secretária).

jp
Juventude Popular de Tomar colaborou com o Banco Alimentar Foto: mediotejo.net

Entretanto, nos dias 3 e 4 de Dezembro, a Juventude Popular de Tomar participou na Campanha de Recolha de Alimentos para o Banco Alimentar que decorreu em várias superfícies comerciais.  “As juventudes partidárias são muito mais que organizações políticas, são estruturas de apoio social, de cariz solidário daqueles que a integram. A concelhia recém eleita  participou na recolha do banco alimentar na luta contra a fome”, referem, acrescentando que estão atentos aos problemas dos que mais precisam.

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here