PUB

Tomar | Concurso de 2,5 milhões para empreitada de requalificação da Várzea Grande fica deserto

Não houve qualquer proposta no concurso público para a empreitada de requalificação da Várzea Grande, local onde se costuma realizar a Feira de Santa Iria, junto ao Tribunal de Tomar. O assunto foi levado à reunião de Câmara desta segunda-feira, 23 de julho, pelo vereador do PSD, Luís Ramos, que pretendeu saber qual o motivo desta situação. Lançado a 15 de junho pela Câmara de Tomar, o concurso despertou a curiosidade dos empreiteiros mas não foi apresentada qualquer proposta formal.

PUB

A presidente da autarquia, Anabela Freitas (PS), confirmou e disse que, na sua opinião, as empresas acharam o preço-base da empreitada (2,5 milhões de euros) baixo. Perante este impasse, a câmara pode avançar com um ajuste direto ou lançar novo concurso, com a autarca a defender esta última opção. Refira-se que esta empreitada vai mudar por completo a Várzea Grande, espaço que atualmente é utilizado como estacionamento livre.

A obra, a partir de um projecto do arquiteto Lourenço Gomes, prevê cerca de 210 lugares de estacionamento nas laterais e à volta do tribunal, prevendo-se ainda um parque para autocarros na zona sul da placa central da Várzea, em frente ao terminal da rodoviária. Entre as mudanças previstas está incluída nova iluminação, a renovação total do arvoredo, o abate de todas as árvores existentes e plantação de novas, a criação de uma ciclovia, uma paragem de autocarros de turismo na zona sul, a colocação de bancos, papeleiras e bebedouros e a criação de dois percursos pedonais debaixo das árvores, nos lados nascente e poente da Várzea.

PUB

O projeto prevê ainda a criação de uma rotunda em frente à estação da CP, onde será colocado o monumento ao soldado desconhecido, com arranjo da envolvente, a renovação do adro em frente ao Convento de S. Francisco, a manutenção do padrão, a substituição do alcatrão por lajedo de pedra de granito composto por paralelepípedos nas zonas nascente, poente e sul ao palácio da justiça e Av. Bernardo Faria, entre outras. Está ainda prevista a criação de sanitários públicos junto à antiga abegoaria e a criação de área para carregamento de viaturas elétricas.

Por causa destas obras, a Feira de Santa Iria irá realizar-se nas imediações do Mercado Municipal já no próximo mês de outubro.

PUB
PUB
Elsa Ribeiro Gonçalves
Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).