Apoie o jornalismo que fazemos,
junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -
Segunda-feira, Outubro 18, 2021

Apoie o jornalismo que fazemos, junte-se à nossa Comunidade de Leitores

- Publicidade -

Tomar | Centro Qualifica vai receber formandos de Presídio Militar e RI 15

O Centro Qualifica Templários, que funciona no Agrupamento de Escolas Templários em Tomar, vai começar a receber formandos do Presídio Militar de Tomar e do Regimento de Infantaria XV para participar nas suas acções de qualificação. O protocolo com o Exército foi assinado na manhã de quinta-feira, 30 de agosto, na escola Secundária Jácome Ratton, sede do Agrupamento Templários, pelo director do Agrupamento, Paulo Macedo, e pelo Tenente Coronel João Pereira, em representação do Exército.

- Publicidade -

O objectivo da parceria passa por envolver os funcionários do Exército em processos de qualificação, podendo a acção também ser estendida aos reclusos do Estabelecimento Prisional. Cabe ao Centro Qualifica facultar ao Exército toda a documentação promocional com vista à divulgação dos serviços, atividade e condições de funcionamento do Centro.

Estão ainda previstas sessões de informação, divulgação e sensibilização  sobre as ofertas de educação e formação profissional disponíveis, sendo que o Exército vai ainda colaborar em processos de diagnóstico que sinalizem as necessidades de qualificação.

- Publicidade -

Minuta do protocolo assinado Foto: mediotejo.net

Paulo Macedo, diretor do Agrupamento, disse ao mediotejo.net que existem militares que trabalham no Presídio Militar e no Regimento de Infantaria XV, de vários pontos do país, e que têm agora a possibilidade de concluir as suas habilitações.

“É um protocolo extremamente importante porque vão poder contar com todas as potencialidades que o Centro Qualifica oferece”, destacou.

O Tenente Coronel João Pereira salientou que “esta é uma oportunidade que os militares que são deslocados de Tomar, vão poder aproveitar –  durante os seus seis anos máximo de contrato – para se validarem e qualificar as suas competências”, agradecendo ao Centro Qualifica e ao Agrupamento de Escolas Templários esta iniciativa.

Angelina Macedo, coordenadora do Centro Qualifica Templários, explicou que o objectivo passa por ajudar as pessoas a melhorar as suas qualificações, quer a nível académico, quer profissional, não esquecendo as formações modulares que podem facilitar a sua inserção no mercado de trabalho/vida ativa.

Todas as formações são em horário pós-laboral, gratuitas e em alguns casos as formações modulares ainda contemplam subsídio de alimentação, sublinhou.

Aos 12 anos já queria ser jornalista e todo o seu percurso académico foi percorrido com esse objetivo no horizonte. Licenciada em Jornalismo, exerce desde 2005, sempre no jornalismo de proximidade. Mãe de uma menina, assume que tem nas viagens a sua grande paixão. Gosta de aventura e de superar um bom desafio. Em maio de 2018, lançou o seu primeiro livro de ficção intitulado "Singularidades de uma mulher de 40", que marca a sua estreia na escrita literária, sob a chancela da Origami Livros.

- Publicidade -
- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça o seu comentário, por favor!
O seu nome