Tomar | Candidaturas à habitação social abertas de 2 a 31 de dezembro

O prazo de candidaturas à habitação social em regime de renda apoiada, no concelho de Tomar, vai decorrer entre os dias 2 e 31 de dezembro. Serão abertas inscrições para concurso público por classificação, e podem candidatar-se todos os cidadãos maiores de idade que tenham domicílio legal no concelho de Tomar há pelo menos dois anos, e cujo agregado familiar apresente um rendimento per capita igual ou inferior a 435,76 € (valor do indexante aos apoios sociais).

Em comunicado, a autarquia refere ter optado por adiar o prazo devido às “contingências atuais motivadas pela pandemia que atravessamos, em que se torna necessário minimizar as deslocações e promover o distanciamento físico”.

As inscrições estão abertas para depois ser realizado concurso público por classificação para atribuição de fogos de habitação social em regime de renda apoiada que, durante o período de dezoito meses, venham a ser identificados para integrarem o Parque Habitacional de Tomar. Tal decorre do Regulamento Municipal de Atribuição e Gestão do Parque Habitacional de Tomar e da Lei 32/2016.

PUB

Podem candidatar-se todos os cidadãos maiores de idade que tenham domicílio legal no concelho de Tomar há pelo menos dois anos, e cujo agregado familiar apresente um rendimento per capita igual ou inferior a 435,76 € (valor do indexante aos apoios sociais).

O formulário para a candidatura e o programa de concurso estão à disposição dos interessados nas Juntas de Freguesia, no Balcão Único Municipal e no site do Município em www.cm-tomar.pt .

Os candidatos deverão fazer a entrega da documentação para concurso presencialmente no Balcão Único Municipal, entre as 9h00 e as 13h00, nos dias úteis dentro do prazo, de 2 a 31 de dezembro.

PUB
Joana Rita Santos
Formada em Jornalismo, faz da vida uma compilação de pequenos prazeres: o conhecimento e o saber, a escrita, a leitura, a fotografia, a música. Nada supera o gozo de partir à descoberta das terras, das gentes, dos trilhos e da natureza... por isto continua a crer no jornalismo de proximidade. Já esteve mais longe de forrar as paredes de casa com estantes de livros. Não troca a paz da consciência tranquila e a gargalhada dos seus por nada deste mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

APOIE O NOSSO JORNAL, TORNE-SE UM LEITOR BENEMÉRITO

Se lê regularmente as nossas notícias torne-se um leitor benemérito fazendo contribuições a partir de 10€/mês, ou doando valores iguais ou superiores a 100€. Esses leitores passam a constar da ficha-técnica como apoiantes deste projeto independente de jornalismo. Pode também fazer uma contribuição pontual (5€, 10€, 20€, o que puder e quiser).